César Vasconcelos de Souza

Cesar Vasconcellos de Souza

Saúde Mental e Você

O psiquiatra César Vasconcellos assina a coluna Saúde Mental e Você, publicada às quintas, dedicada a apresentar esclarecimentos sobre determinadas questões da saúde psíquica e sua relação no convívio entre outro indivíduos.

05/04/2018

Muitos são dependentes de medicamentos psiquiátricos (tranquilizantes, antidepressivos, indutores do sono, estabilizadores do humor etc.) os quais têm seu lugar e momento no tratamento de doenças mentais. Mas eles não curam a causa do sofrimento. Estas pessoas podem melhorar e adquirir saúde mental se praticarem alguns passos em sua consciência e em suas atitudes para consigo mesmas e para com outros indivíduos. Vamos pensar um pouco sobre isto.

Leia mais
29/03/2018

Ficar triste é normal quando ocorrem situações importantes de perda em nossa vida. Esta perda pode ser a morte de uma pessoa querida, a demissão de um emprego num momento difícil para a família, o descobrimento de uma atitude infiel no casamento, o diagnóstico de uma doença grave etc. Há tristeza para a vida e tristeza para a morte. Vamos ver isto agora.

Leia mais
15/03/2018

Saúde mental tem muito que ver com ter emoções mas não deixar que elas tenham você. Difícil isto? Sim, é difícil. As pessoas em geral estão ou num extremo de terem dificuldades na expressão de sentimentos, ou num outro extremo de serem frequentemente dominadas por eles. 

Leia mais
08/03/2018

O pai da Medicina, Hipócrates, classificou os temperamentos em quatro tipos: sanguíneo, colérico, fleumático e melancólico. Qual será o melhor? Há um melhor que o outro?

A pergunta melhor a ser feita neste caso não é qual seria o melhor tipo de temperamento para uma pessoa, mas sim, qual temperamento é melhor para este ou aquele tipo de situação na vida, ou para este ou aquele tipo de relacionamento.

Leia mais
01/03/2018

Um vício não surge da noite para o dia. É um processo gradual. Familiares podem não reconhecer pequenas mudanças que ocorrem diariamente no comportamento de um membro da família. Será que você está desconfiado de que um filho, filha ou outro parente está envolvido com algum vício, especialmente de álcool ou outra droga? 

Leia mais
22/02/2018

Quando se vive certos traumas, luto pela morte de alguém, não é incomum experimentar ansiedade excessiva ou depressão como resposta à estas situações dolorosas. Será que a gratidão e a espiritualidade colaboram na busca de reagir diante de sofrimentos assim?

Leia mais
15/02/2018

Tempos atrás atendi uma mulher de experiência como administradora de empresas, que me narrava sua história de sofrimento emocional. Sofrimento emocional envolve um monte de sintomas e queixas, tais como angústia, timidez, tristeza profunda, medo excessivo (fobia), hiperatividade, irritabilidade, melancolia, desânimo forte etc. Em certo momento da consulta comentou: “Você já viu um administrador ter sentimentos?” Ela era boa administradora, e tinha sentimentos.

Leia mais
08/02/2018

Um dos fatores que contribuem para a doença mental no mundo, segundo a Psiquiatria Social tem que ver com a maldade, o crime, a violência, a corrupção social que prejudica o cultivo de esperança, gratidão, confiança. A sociedade, a liderança de municípios, estados e a federação em nosso país e em outros países conseguirão mudar para melhor?

Leia mais
01/02/2018

Materialismo é o desejo por riquezas e posses que se torna mais valioso do que qualquer outra coisa, mais do que a busca de crescimento do caráter. A ideia em vigor no mundo é a de que a vida boa só pode ser encontrada no dinheiro. É verdade isto? O materialismo é um armadilha que prende a pessoa, como uma droga que age no cérebro, e dá a sensação de bem estar. O dinheiro produz gratificação imediata, assim como uma droga, porém, ambos, dinheiro e droga, não satisfazem nossas necessidades mais profundas.

Leia mais
25/01/2018

A notícia não é boa sobre a quantidade de pessoas infectadas pelo HIV em nosso país. O jornal do Cremerj – Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro – publicou mês passado (Dez 2017) a reportagem “HIV – Cresce o número de infectados”, mostrando estatística preocupante sobre este assunto.

Leia mais