A Voz dos Leitores

A Voz dos Leitores

A coluna que é feita por você, leitor. Um espaço democrático onde o cidadão pode expressar, através de textos e fotos, sua opinião sobre os mais variados assuntos relacionados à cidade. Envie sua contribuição para leitores@avozdaserra.com.br

Denúncia
Colapso iminente da estrada municipal trecho Alto de Conquista até Barracão dos Mendes, a 1km do Alto. As últimas chuvas abriram uma enorme cratera com mais de 10m de profundidade na encosta junto ao pavimento. O asfalto já está rachado. O risco de acidentes é muito alto. Os caminhões passam na beira da cratera. 

Caso não seja providenciada a contenção do trecho, o tráfego será também interrompido, causando prejuízo aos produtores rurais de toda esta região produtiva até São Lourenço, que utilizam esta estrada para escoamento da produção.

Leia mais

Buracos em Varginha

É extremamente grave a situação da via que liga a RJ-116 ao ponto final do ônibus que liga o Centro ao bairroVarginha. Inúmeros buracos e até crateras causam enorme desconforto aos moradores da área e aos motoristas que por ali trafegam inclusive o ônibus Varginha. O problema se estende até o loteamento Oscar Schultz.

Leia mais

Sou moradora de Macaé de Cima e relato a necessidade urgente de melhorias no seu acesso. A estrada é de terra, está mal conservada, cheia de buracos e sem capina. E para piorar há alguns dias o ônibus não chega até aqui e os moradores não podem ir trabalhar. Essa semana, o ônibus ficou atolado na lama, pois o pessoal da prefeitura colocou uma espécie de barro na estrada e devido à chuva deu lama e estamos quase "isolados" pois não está dando para passar. Fui trabalhar de moto e quase não consegui chegar ao emprego, está horrível.

Leia mais

Poluição sonora

Leia mais

Em meu nome, de Maurício Siaines e de Josevane Terna, manifesto os meus mais sinceros agradecimentos ao jornal A VOZ DASERRA pelo apoio e parceria na divulgação dos nossos trabalhos à frente da Sociedade Musical Euterpe Lumiarense (Smel). Lá se vão oito anos, quando o querido e saudoso sr.

Leia mais

Falta de medicamentos

Venho solicitar o empenho da Secretaria Municipal de Saúde e da Prefeitura com relação à reposição de remédios na farmácia complementar do Hospital Raul Sertã e no posto Sylvio Henrique Braune, no Suspiro, pois existem medicamentos que estão em falta desde novembro de 2016. Se as pessoas recorrem a tais locais para buscar seus medicamentos é porque existe tal necessidade.
Peço maior atenção ao fato, pois se trata de remédios que os pacientes não podem deixar de tomar e não tem condição de comprar. Muito grato.

Leia mais

S.O.S. RJ-142

Leia mais

A direção e equipe de A VOZ DA SERRA agradece as manifestações de carinho por conta da passagem de mais um aniversário do jornal na última sexta-feira, 7.

 

A Real Banda Euterpe Friburguense toca hoje seus acordes para A VOZ DA SERRA! São  72 anos de sucesso... escrevendo a história de Nova Friburgo! Parabéns e muito sucesso. São os votos de todos nós da Euterpe Friburguense: diretores, maestro, músicos, alunos, professores e euterpistas.

Sociedade Musical Beneficente Euterpe Friburguense

Leia mais

Empresa de ônibus esclarece

Em resposta a manifestação da cliente Anna Maria Camacho Escaleira, publicada na coluna Leitores online, na edição da última quarta-feira, 22, a Auto Viação 1001 informa que são utilizados dois tipos de ônibus na operação da linha Friburgo x Macuco: urbano (duas portas) e seletivo (uma porta) e todos eles estão de acordo com as exigências de segurança e mobilidade para a realização do transporte intermunicipal de passageiros. 

Leia mais

Linha Friburgo-Macuco

Viajo, semanalmente, de ônibus, utilizando a linha Friburgo X Macuco, da empresa 1001, e, pasmem, os coletivos têm poltronas lisas, sem divisórias, sem braços para apoio, sem cinto de segurança, e o pior: com a capacidade de passageiros em pé além da permitida. Viajamos como se fôssemos “sardinhas em lata”. A cada parada para o embarque de mais passageiros, o motorista se atrasa cada vez mais, pois acumula a função de cobrador. Isso aumenta o tempo de viagem e gera um alvoroço nos passageiros, revoltados com tal circunstância.

Leia mais