César Vasconcelos de Souza

Cesar Vasconcellos de Souza

Saúde Mental e Você

O psiquiatra César Vasconcellos assina a coluna Saúde Mental e Você, publicada às quintas, dedicada a apresentar esclarecimentos sobre determinadas questões da saúde psíquica e sua relação no convívio entre outro indivíduos.

02/02/2017

É uma obra delicada tratar com mentes humanas. Uma tarefa extremamente importante é a dos pais quanto à criação dos filhos. Ao chegar um bebê numa família, pai e mãe têm uma mente “zero quilômetro” para atuarem sobre ela. Que responsabilidade e oportunidade!

As lições que as crianças aprendem na infância, as palavras e condutas dos adultos que cuidam dela exercem um impacto forte sobre sua mente e dificilmente são apagadas na vida adulta.

Leia mais
26/01/2017

As doenças que mais matavam as pessoas antes do século 20 eram as infecciosas. Do século 20 para cá as pessoas morrem mais por doenças “do estilo de vida”, enfermidades que se desenvolvem pela má qualidade de vida. Dentre elas estão as doenças cardiovasculares (enfarte, AVC), diabetes, câncer.

Leia mais
18/01/2017

 Staci Gruber, Ph.D., é diretora do Centro Cognitivo e Clínico de Neuroimagem, e diretora do Mind (Marijuana Investigations for Neuroscientific Discovery) do Hospital Mc Lean, da rede de hospitais da Harvard University, sendo professora associada de psiquiatria desta universidade norte-americana.

Ela tem estudado nas últimas duas décadas sobre os efeitos do uso recreacional da marijuana (maconha) particularmente sobre seu impacto no desenvolvimento cognitivo, estrutura e função cerebral.

Leia mais
12/01/2017

Graham C. L. Davey, Ph.D., professor de Psicologia na Universidade de Sussex, Reino Unido, autor de livros e dezenas de artigos publicados em revistas científicas, tem se concentrado no estudo da ansiedade e medo, entre outros temas de saúde mental. Nessa coluna destaco o resumo de um de seus recentes artigos (dezembro 2016) onde ele analisa se há influência das mídias sociais na manutenção da ansiedade através da desconexão real com as pessoas e da solidão.

Leia mais
04/01/2017

Um novo ano começou. Do ponto de vista da continuidade da vida, isto não significa nada, apenas o seguimento do tempo. Ao mesmo tempo significa algo grandioso, que é a permanência da energia em nosso corpo chamada “vida”.

Já pensou o que é esta energia que mantém seu corpo-mente vivos, funcionando? Você acha que é você mesmo que faz isto? Ou que é algum remédio de farmácia que o mantém vivo? Crê que é seu médico que segura sua vida para você não morrer?

Leia mais
28/12/2016

A vida é dura? É dura para quem tem que viver com um salário mínimo numa família? É dura para quem tem um império econômico empresarial? Ao começar um novo ano a dureza da vida acaba? O que constitui a dureza da vida?

Leia mais
21/12/2016

Todas as pessoas têm angústia. Se ela é percebida conscientemente ou não, é outro caso. Há a angústia existencial, inerente ao ser, passada de geração em geração, e há a angústia originada em sofrimentos emocionais. É comum pessoas tentarem resolver sua angústia com métodos variados, através das compulsões sexuais, por exemplo, ou por romances.

Leia mais
14/12/2016

O título desta matéria é do psicólogo Rollo May, profundo pensador, psicoterapeuta e escritor. O que significa dizer que a existência nunca é automática? Algo automático é o que funciona por si mesmo. A vida não é automática?

Leia mais
07/12/2016

Psicoterapia é uma ajuda humana para problemas psicológicos que uma pessoa apresenta a qual pode ser feita individualmente ou em grupo. Ela se baseia em entrevistas que podem ser semanais, quinzenais, mensais, nas quais o profissional devidamente qualificado para oferecer este tratamento procura ajudar a pessoa através da palavra e do escutar, com a finalidade de promover melhor qualidade de vida, produtividade e bem estar.

Leia mais
30/11/2016

No artigo “The Bright Side of Being Blue: Depression as an Adaptation for Analyzing Complex Problems”, (“O lado brilhante de estar triste: depressão como uma adaptação para analisar problemas complexos”), Paul Andrews, Ph.D., Virgínia Commonwealth University, e J. Anderson Thomson, Jr., Ph.D., Virgínia University, apresentam idéias intrigantes não convencionais sobre o entender a causa e o tratamento da depressão. (Psychological Review, Vol. 116, No. 3, 620–654, 2009, American Psychological Association 2009).

Leia mais