A Voz dos Leitores

A Voz dos Leitores

A coluna que é feita por você, leitor. Um espaço democrático onde o cidadão pode expressar, através de textos e fotos, sua opinião sobre os mais variados assuntos relacionados à cidade. Envie sua contribuição para leitores@avozdaserra.com.br

08/06/2024

“Será que as pessoas que pulam e se divertem nas festas promovidas pela Prefeitura de Nova Friburgo não dependem do Hospital Raul Sertã? Fico perplexa e me perguntando como que existem pessoas que acham certo ou que colocam seu lazer, sua diversão e a promoção de eventos acima dos interesses realmente coletivos como a Saúde. Empatia é só discurso. Como pode haver dinheiro para fazer tantas festas e o nosso hospital continuar nessa situação? E a famigerada desculpa de que eventos geram empregos não cola mais, nem se justifica. 

Leia mais
04/06/2024

“Vários mutirões de limpeza de postes para retirada de fios de internet, telefonia e TV a cabo inoperantes e que causam enorme poluição visual na cidade já foram realizados, mas o problema persiste. No bairro Cascatinha, alguns desses fios estão soltos e parte deles caíram sobre carros estacionados e calçadas, aumentando o risco de algum pedestre tropeçar, cair e acidentar-se, até mesmo gravemente. É preciso responsabilizar severamente as empresas que não retiram os fios em desuso e endurecer a legislação para punir os responsáveis.” 

Antônio Ribeiro    

Leia mais
30/05/2024

“Em 2055 provavelmente eu vou abrir o jornal A VOZ DA SERRA e ler reportagens sobre autoridades que ainda estarão tentando, através de panfletos, argumentos e discursos promover a paz no trânsito, sem nenhum resultado, claro. O lado bom é que se isso acontecer significa que não fui atropelada por nenhum motorista bêbado ou motoqueiro imprudente. Sigo e sempre seguirei fazendo a minha parte, e que os órgãos responsáveis também façam a sua parte focando no seu papel de multar e punir quem não respeita a lei muito menos a vida dos outros.”

Vanessa Pereira 

Leia mais
22/05/2024

“Atenção motoristas que costumam passar pela rodovia RJ-142, que liga Nova Friburgo a Casimiro de Abreu. Na altura do quilômetro 21, próximo ao Poço Feio, houve um enorme desmoronamento de pedras. Caso chova forte, há o risco de outras pedras se deslocarem da encosta provocando um grave acidente. Acredito que o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado, o DER, esteja esperando acontecer o pior, para depois tomar providências.”

Victor Manoloff Hristof

 

Saúde sem investimentos 

Leia mais
21/05/2024

“Será que o motorista bêbado que quase me matou, e que também quase matou minha irmã e minha mãe no último dia 11 em Riograndina vai participar dessas campanhas de conscientização no trânsito? Quem sabe ele se anima e ainda ganha uma camiseta do movimento Maio Amarelo. Fazer simulação de como é dirigir bêbado ele não precisa fazer porque já sabe como é e já está acostumado a encher a cara e sair pelas ruas. As pessoas que estão dirigindo supostamente já aprenderam sobre leis de trânsito antes de receberem a carteira de motorista. A consciência já era para estar formada.

Leia mais
14/05/2024

“Atenção Prefeitura de Nova Friburgo. Dirigir no bairro Cascatinha atualmente é uma missa de risco devido a grande quantidade de buracos. Na esquina das ruas Dom João VI com Wenceslau Braz e Gandhi, há até paralelepípedos soltos em uma cratera aberta bem no meio do calçamento, obrigando os motoristas a fazer manobras arriscadas, invadindo a contramão. Se não for tomada uma providência urgente, um acidente grave poderá acontecer.”

José Elias      

 

Paz no trânsito

Leia mais
06/05/2024

“Numa época em que presenciamos o avanço da epidemia de dengue, inclusive com o registro de morte em nossa cidade, todo o cuidado ainda é pouco para evitar a proliferação do mosquito transmissor dessa terrível doença, o Aedes aegypti. No bairro Braunes, há um grande terreno com frente para a Rua Visconde de Itaboraí que encontra-se com o mato alto, o que favorece criadouros do mosquito.

Leia mais
01/05/2024

“Chama atenção a quantidade de lixo descartada na calçada da Rua General Osório, bem em frente ao Hospital Raul Sertã. Além do lixo comum havia sacos com entulhos de obras no local na manhã de segunda-feira, 29 de abril. Muita gente ainda não se atentou para a necessidade de descartar o lixo próximo ao horário de passagem do caminhão de coleta. Lixo na rua expõe os pedestres a bactérias e facilita a proliferação de insetos e roedores. Tudo isso na porta do hospital.” 

Reginaldo Cipriano  

 

Sem manutenção 

 

Leia mais
24/04/2024

“O Hospital Raul Sertã é um importante centro de saúde para muitos, mas encontra-se em um estado de abandono que não pode ser ignorado. As imagens que circulam, mostram um pátio negligenciado, repleto de detritos e desprovido de cuidados. São um testemunho silencioso da indiferença com nossos espaços de cura. A sujeira acumulada não é apenas um atentado à estética, mas um risco à saúde dos pacientes e funcionários. Em um ambiente onde a vulnerabilidade é a norma, a falta de higiene básica é uma falha inaceitável.

Leia mais
20/04/2024

“A Secretaria de Ordem e Mobilidade Urbana acertou em cheio ao criar e espalhar por vários cantos da cidade os espaços destinados ao estacionamento rotativo nas ruas com vagas de curta duração. São aquelas que o motorista pode estacionar por um período determinado, geralmente 20 ou 30 minutos mantendo o pisca-alerta acionado. A medida visa estimular maior rotatividade de estacionamento de veículos na mesma vaga. A ideia é ótima, mas, infelizmente falta fiscalização. Muitos motoristas utilizam essas vagas para estacionar seus veículos por longos períodos.

Leia mais