A eleição que falta

Massimo

Massimo

Coluna diária sobre os bastidores da política e acontecimentos diversos na cidade.

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Para pensar:

"Se não fosse imperador, desejaria ser professor. Não conheço missão maior e mais nobre que a de dirigir as inteligências jovens e preparar os homens do futuro."

D. Pedro II

Para refletir:

“Ser professor é, antes de tudo, gostar de gente. É se importar com a história de vida das crianças e olhar verdadeiramente nos olhos de cada uma delas.”

Aucimara Souza do Nascimento

A eleição que falta

O segundo turno das eleições acontece no próximo dia 28, mas na esfera municipal - e Nova Friburgo não será exceção - o tema ainda deve render um pouco mais.

É que teremos, ao fim deste ano, a importante eleição para presidentes das câmaras municipais pelos próximos dois anos.

Por aqui as conversas já começaram, e mãos têm sido apertadas.

Resta ver, no entanto, quanto ainda vale o fio do bigode, se é que o leitor me entende.

Logo saberemos.

Dimensionando

A recente menção ao drama vivido pelos moradores do Cordoeira com relação à falta d’água, bem como a subsequente resposta enviada pela concessionária Águas de Nova Friburgo, estimularam leitores de outras áreas de nossa cidade a relatarem situações análogas que viveram nos últimos dias, ou ainda estão vivendo.

Ficou claro que o problema do abastecimento foi sensivelmente maior do que pareceu no primeiro momento.

Alcance

Na Ponte da Saudade, por exemplo, a questão chegou a ser judicializada.

Até onde a coluna foi capaz de apurar, o sistema de abastecimento da Estação Tratamento de Água (ETA) Debossan, que sofreu uma interrupção na última quinta-feira, 11, responde por 28% da demanda friburguense.

De acordo com a concessionária, a ETA Debossan já está funcionando e o abastecimento está sendo normalizado de forma gradativa.

Audiência pública

Ainda assim o episódio teve grandes dimensões, e acabou estimulando a população a narrar outros problemas pontuais ocorridos anteriormente.

A partir de tais relatos, o vereador Professor Pierre levou ontem, 16, ao plenário da Câmara Municipal uma proposta de audiência pública para unir as partes e debater o tema na próxima segunda-feira, 22.

Aguardem por atualizações nos próximos dias.

Hospital de oncologia

Após ter rendido muitos votos, discursos e fotos, o sonhado Hospital de Oncologia da Região Serrana, aqui na Ponte da Saudade, tornou-se uma presença especialmente dolorosa na longa lista de obras eleitoreiras, inacabadas ou não honradas pelo poder público em nossa região.

O episódio inteiro é uma vergonha só, a própria síntese do distanciamento entre as declarações açucaradas da velha classe política e a falta de compromisso em relação à população na base da pirâmide.

Vontade expressa

Na internet, no entanto, a população tem ao menos duas possibilidades de manifestar o quanto faz questão de ver a unidade concluída, e em funcionamento.

Um antigo abaixo-assinado proposto por José Roberto Pacheco Folly, presidente da Associação de Moradores e Amigos da ponte da Saudade (Amaps) já conta com 43.016 adesões.

Além dele, há poucos dias o movimento “200 anos pra quem?” também deu início a outra coleta, que já está com 160 assinaturas.

Única opção

É claro, não somos ingênuos, que o número de adesões não irá assegurar nada.

Mas não custa nada participar, e sublinha nossa indignação e nosso interesse.

Parece oportuno observar, ainda, que as recentes eleições reforçaram sensivelmente a representatividade de Nova Friburgo no Congresso Nacional, ainda que na Alerj o quadro tenha sido o oposto.

O que não podemos, de modo algum, é aceitar a derrota.

Afinal, os impostos continuam sendo pagos, correto?

Profissional Nota 10

A Câmara Municipal de Nova Friburgo realiza nesta quarta-feira, 17, a partir das 18h, sessão solene em homenagem ao “Profissionais Nota 10”.

O projeto, resultado da resolução legislativa 2205/2016, vai reverenciar 21 parceiros da rede de ensino, indicados por cada um dos vereadores por terem desenvolvido ações importantes e significativas para a cidade, através de uma trajetória educacional relevante.

Aspas (1)

A solenidade, que acontece no plenário do Poder Legislativo, será comandada pelo presidente da Comissão de Educação e Cultura, vereador Norival (PT), que destaca a importância da valorização do educador.

“Esta é uma singela maneira de reconhecer a importância destes profissionais que muito contribuíram e contribuem para um ensino de qualidade. Precisamos mesmo prestigiar estes profissionais. A Câmara acertou ao criar este projeto”, disse o vereador.

Aspas (2)

Já para o presidente da Câmara, vereador Alexandre Cruz (PPS), a premiação é uma forma de enaltecer os professores e gestores que têm a responsabilidade de ensinar e educar, formando muitas gerações de cidadãos preparados para o futuro.

“Os profissionais da educação têm papel fundamental na construção de um país melhor e mais justo para todos nós. Os homenageados nesta edição representam todos os demais profissionais da nossa cidade”, finalizou.

Escalação (1)

Segue a lista dos homenageados de 2018.

Maria Cristina Barbosa de Almeida indicada pelo vereador Alexandre Cruz; Kely Izabel Soares da Silva (vereador Cascão); Aline Buty Louback (vereador Carlinhos do Kiko); Daniele Martins da Rocha Pena (vereador Janio); Wanderson Breder (vereadora Nazareth Catharina); Dalva Saippa Ranucci (Johnny Maycon); Daiana Santos Oliveira (vereador Marcinho); Renata Ouverney Braz (Alcir Fonseca); Franciane Rodrigues Pinheiro Mury (Isaque Demani); Greidi de Carvalho Frez Boy (Naim Pedro).

Escalação (2)

A lista segue com Leda de Fátima Ribeiro Duarte (indicada pelo vereador Wellington Moreira); Lucia Maria Muniz Ramineli (Professor Pierre); Cláudia Maria Badaró Massena (Nami Nassif); Glenda Moura Klein (Aylter Maguila); Marília Formiga Teixeira dos Santos (Zezinho do Caminhão); Dioneson Ferreira Guimarães (Luiz Carlos Neves); Ana Cristina dos Santos Gripp (Joelson do Pote); Luciana Barrozo dos Santos (Sérgio Louback); Cláudia Ribeiro Catrib Seixas (Marcio Damazio); Eduardo Bini da Silva (Norival); e Maria de Lourdes Gonçalves Madeira (vereadora Vanderléia Lima).

Reverência

A coluna junta-se à Câmara Municipal e faz coro à justa homenagem à toda a classe dos educadores, muito bem representados nesta lista.

A todos os professores, nosso agradecimento e nossa reverência.

Foto da galeria
Publicidade
TAGS:

Massimo

Massimo

Coluna diária sobre os bastidores da política e acontecimentos diversos na cidade.

A Direção do Jornal A Voz da Serra não é solidária, não se responsabiliza e nem endossa os conceitos e opiniões emitidas por seus colunistas em seções ou artigos assinados.