Acessibilidade

Massimo

Massimo

Coluna diária sobre os bastidores da política e acontecimentos diversos na cidade.

quinta-feira, 14 de junho de 2018

Para pensar:

“O verdadeiro hipócrita não é o que dissimula, mas o que tenta persuadir os outros daquilo em que ele não acredita.”

Levetuchenko

Para refletir:

"Somos bons quando fazemos os outros melhores."

Provérbio russo

Acessibilidade (1)

Bom, conforme a coluna havia antecipado, segue a todo vapor a fiscalização dos agentes de trânsito ao transporte coletivo em Nova Friburgo.

Após a verificação de placas e selos de vistoria em oportunidades anteriores, uma ação conjunta na manhã de terça-feira, 12, envolvendo os agentes Mauro, Geraldo, Fabrício e Luciano constatou irregulares em 22 coletivos.

Acessibilidade (2)

O problema mais grave (e frequente) foi o não funcionamento do elevador para cadeirantes, que na prática tornou-se um aparato “para inglês ver”, posto que quase nunca funciona e muito raramente chega a beneficiar algum usuário com necessidades especiais.

Cá entre nós, a realidade não é só friburguense e reflete à perfeição a postura de nossa sociedade para com estes cidadãos, ao menos até que vejamos a nós mesmos ou alguém muito próximo em situação semelhante.

Bom senso (1)

Os agentes registraram todas as etapas da operação, com informações como placa e situação de cada veículo, bem como local e hora em que foram abordados.

Outra situação relativamente comum foi encontrar alguns bancos soltos, que precisam de reparo imediato.

Todavia, numa postura que ao colunista parece ser de bom senso, os ônibus não foram apreendidos, uma vez que o prejuízo aos usuários seria grande demais.

Bom senso (2)

Em vez disso, os 22 coletivos foram brevemente retidos para averiguações e logo em seguida liberados, pois os problemas encontrados “não colocavam em risco a integridade dos passageiros”.

Os motoristas foram liberados e advertidos verbalmente para que comuniquem as irregularidades encontradas, a fim de que os problemas sejam sanados o quanto antes.

Excelência (1)

“No que tange à nova Lei Orgânica Municipal e, como uma das integrantes da redação e revisão, não poderia me furtar de escrever sobre algumas coisas: sou advogada, bem como meus pares que compõem a comissão da OAB preparada para tal fim. Trabalhamos arduamente para levar a seu texto, primeiramente, a constitucionalidade (em sua forma) e a adequação, democracia participativa, zelo pela dignidade da população e dignidade do servidor - e, neste ponto, me senti bastante honrada, visto que a redação do artigo 82 foi realizada e revisada por mim, que sou árdua defensora dos direitos dos trabalhadores em geral (servidores ou não).”

Excelência (2)

“O trabalho foi dividido entre advogados especialistas em cada área. Conta portanto, a nova LOM, com amparo técnico de excelência e adequado. Espero, como voluntária, cidadã e amante de nossa cidade, que todos os apontamentos feitos sejam apreciados com bastante apreço e sensibilidade por nossos edis. Certamente, todos (e as gerações por vir) ficaremos mais esperançosos de dias melhores.”

Assina a mensagem Carolinsk de Marco.

Parênteses

Como se vê, o colunista não está sozinho em sua confiança no trabalho coletivo que elaborou a nova LOM.

Intercâmbio cultural (1)

Começou ontem, 13, o evento “Intercâmbio Brasil - Suíça // Filmes e Masterclass”.

Ao longo de uma programação que se estenderá até amanhã, 15, a Usina Cultural Energisa e a Casa Suíça receberão filmes exclusivos e uma masterclass única com o diretor artístico do Fiff, Thierry Jobin.

Intercâmbio cultural (2)

O primeiro dia de evento contou com a apresentação de filmes produzidos pelos alunos da École C​antonale d'art de Lausanne (Ecal), em visita à Nova Friburgo.

Também foram exibidos filmes produzidos através do Edital “Raízes de Nova Friburgo”, promovido pelo Instituto Serrano de Economia Criativa em parceria com a Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro e a Energisa.

Intercâmbio cultural (3)

Hoje, 14, a primeira atração será no Teatro da Casa Suíça (RJ-130, Km 18, em Conquista).

O filme “Max & Co”, dos diretores e irmãos Frédéric Guillaume & Samuel Guillaume, será exibido à partir das 13h, com a presença de Thierry Jobin.

Já à noite, Jobin apresenta a Masterclass “Captação de Recursos para Obras Cinematográficas - Fiff” à partir das 18h, na Usina Cultural Energisa.

Em seguida haverá exibição de filme selecionado pelo diretor.

Intercâmbio cultural (4)

Por fim, amanhã, 15, haverá novamente a exibição de filmes produzidos pelos alunos da Ecal, às 19h.

A seguir o evento será encerrado com a exibição dos filmes produzidos na Suíça pelos jovens diretores friburguenses Ana Maria Bonjour, Daniel Soares, Gabriel de Almeida e Jéssica Ramos.

Intercâmbio cultural (5)

Os quatro foram selecionados à partir de edital promovido pela Projeto6 em parceria com o Consulado Geral da Suíça no Rio de Janeiro, e assim puderam viajar até Fribourg e captar imagens para seus curtas-metragens.

Ao todo, serão exibidos quatro filmes.

O evento é gratuito e a classificação indicativa é livre.

Novo milionário

Nova Friburgo já tem, finalmente, um novo milionário. O apostador friburguense (ou apostadora) que acertou sozinho as cinco dezenas do concurso 4.698 da Quina resgatou nesta quarta-feira, 13, o prêmio de R$ 2.828.369,33. 

A Caixa Econômica Federal não informou em qual agência ele se apresentou. O sortudo ficou seis dias incógnito, desde a noite do sorteio, na última quinta-feira, 7.

Horário reduzido

Está no Diário Oficial de hoje, 14, na página 8 desta edição.

O prefeito Renato Bravo baixou decreto reduzindo o expediente nas repartições municipais nos dias que a seleção brasileira entrar em campo na Copa do Mundo.

Nos dias que os jogos forem pela manhã, o expediente vai começar às 13h indo até as 18h.

Já quando os jogos forem à tarde, a labuta começará às 9h eserá encerrada às 13h.

Assim todo mundo vai poder torcer pelo nosso Brasiiiiil !

Pergunta

O desafio de hoje foi proposto pelo amigo Girlan Guilland, que geralmente cumpre papel oposto e envia respostas às fotos enviadas por Regina Lo Bianco.

E então, os amigos conseguem identificar que construção é esta?

Boa sorte a todos!

Foto da galeria
Publicidade
TAGS:

Massimo

Massimo

Coluna diária sobre os bastidores da política e acontecimentos diversos na cidade.

A Direção do Jornal A Voz da Serra não é solidária, não se responsabiliza e nem endossa os conceitos e opiniões emitidas por seus colunistas em seções ou artigos assinados.