Perigo em Varginha com buracos e má iluminação nas ruas

Prefeitura informou que recapeamento já foi licitado e aguarda a liberação de recursos federais
terça-feira, 19 de janeiro de 2021
por Thiago Lima (thiago@avozdaserra.com.br)
Buracos em Varginha: uma constante (Fotos de leitores e Henrique Pinheiro)
Buracos em Varginha: uma constante (Fotos de leitores e Henrique Pinheiro)

Buracos nas ruas do bairro Varginha são um problema bastante antigo e - quase - nunca resolvido. A VOZ DA SERRA já realizou várias reportagens sobre o assunto, inclusive sobre o anúncio do tão esperado recapeamento de ruas do bairro, o que ainda não aconteceu. Segundo moradores, a Rua Oscar Schultz é uma das mais críticas. A via oferece perigo a motoristas e pedestres por causa da enorme quantidade de buracos. Para desviar, os motoristas têm que trafegar na contramão em alguns trechos, o que facilita acidentes, inclusive com os ônibus da linha Centro-Varginha que passam por ali. Para piorar a situação, a iluminação está precária. Em alguns trechos, só as lâmpadas de algumas casas auxiliam quem precisa caminhar pela via passar a pé. Os moradores também denunciam a falta de sinalização ao longo de toda a rua. 

Indignada com o abandono, a leitora Laís Andre Cordeiro enviou uma mensagem à redação de A VOZ DA SERRA: “A Rua Oscar Schultz tem uma grande extensão e muitos buracos profundos. Há anos que não é colocado um bom asfalto aqui. Na situação que está, só refazendo todo o asfaltamento. Operações tapa buraco não servem mais. Acho uma falta de respeito, pois, as massas de asfalto são colocadas tortas, o que não adianta em nada”, desabafou a moradora.

Laís também observa que os agentes de trânsito deveriam ir mais ao bairro Varginha realizar fiscalizações e remover veículos velhos e abandonados que atrapalham a circulação de carros e ônibus. Muitas oficinas também utilizam os espaços das ruas para consertar carros atrapalhando a passagem dos pedestres e demais veículos, segundo ela. 

“A iluminação e a sinalização também estão deixando a desejar. Muitos moradores fazem caminhadas, mas essa atividade acaba se tornando perigosa por conta da escuridão. Espero que a mensagem possa chegar a algum órgão competente para que sejam solucionados alguns dos problemas em Varginha”, disse a moradora.  

A longa espera pela Operação Tapa-Buracos 

Em setembro do ano passado, a prefeitura anunciou através do Diário Oficial do município que a empresa Novacap Engenharia, Indústria e Comércio havia sido contratada para realizar as obras de recapeamento asfáltico no bairro Varginha. O serviço foi orçado em R$ 640.661,61 para execução em até 60 dias a partir do início das intervenções. De acordo com o cronograma da prefeitura na época, seriam contempladas as ruas Oscar Schultz, Lúcio Nogueira e Algodões, mas até hoje, o serviço não começou.

A reivindicação dos moradores de Varginha é mais antiga ainda. No fim de janeiro de 2020, A VOZ DA SERRA publicou reportagem denunciando a precariedade das ruas do bairro. Na ocasião, o Governo Municipal informou que estava “em tramitação o processo para a licitação visando a contratação de empresa para o recapeamento asfáltico” de algumas ruas do bairro.

Espera também em outros bairros

As operações tapa-buracos e de revitalização asfáltica deverão ser realizadas também em outros bairros. Conforme noticiado por A VOZ DA SERRA em setembro do ano passado, o Diário Oficial eletrônico do município publicou um extrato de instrumento contratual firmado entre a Prefeitura de Nova Friburgo e a Ômega Construtora, para a realização de serviços de engenharia para aplicação de massa asfáltica pré-misturada a frio em vários bairros e distritos ao custo de R$ 1.182.145,35.

Já outras duas publicações do D.O. informaram sobre licitações que seriam promovidas pela prefeitura para a contratação de empresa para o recapeamento asfáltico de ruas nos bairros Nova Suíça e Olaria, com a utilização do Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ), o asfalto a quente, mais resistente e duradouro que o asfalto pré-misturado a frio. No bairro Nova Suíça serão atendidas as ruas Nicole Yese, Theófilo Zarife e Romana Villas Boas Schuenck. O valor estimado é de R$ 621.146,76. 

O que diz a prefeitura

Em nota, a Prefeitura de Nova Friburgo esclareceu que a obra de recapeamento no bairro Varginha depende da liberação dos recursos pela Caixa Econômica Federal. Em relação à iluminação pública na Rua Oscar Schultz, a Secretaria de Serviços Públicos informou que está planejando as ações de acordo com as demandas protocoladas e lembrou que qualquer morador pode ligar para o telefone 2525-9125 e solicitar reparos. Quanto à sinalização, a Secretaria de Ordem e Mobilidade Urbana respondeu que já recebeu esta solicitação e que tão logo seja feita a licitação para aquisição de placas, fará melhorias na sinalização das ruas de Varginha.”

 

LEIA MAIS

Apartamentos serão entregues em Teresópolis, Petrópolis, Sumidouro e São José do Vale do Rio Preto

Medida prevê o repasse de mais de R$ 150 milhões anuais para as unidades cadastradas

Ação foi movida pela prefeitura, com a justificativa de falta de tempo viável para a Itapemirim se instalar na cidade

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: obra | Governo