Fabíola Braz Penna deixa a linha de frente do combate à Covid em Friburgo

Uma das mais experientes e respeitadas autoridades em saúde pública do município, subsecretária de Vigilância pede exoneração
terça-feira, 01 de junho de 2021
por Adriana Oliveira (aoliveira@avozdaserra.com.br)
Fabíola Braz Penna: alegados
Fabíola Braz Penna: alegados "motivos pessoais" (Arquivo AVS/ Henrique Pinheiro)

Uma das mais experientes e respeitadas  autoridades em saúde pública de Nova Friburgo, a enfermeira Fabíola Braz Penna pediu, na noite desta segunda-feira, 31, exoneração do cargo de subsecretária municipal de Vigilância em Saúde, que ocupava há pelo menos oito anos. A Secretaria Municipal de Saúde, pasta à qual Fabíola está vinculada, alegou oficialmente “motivos pessoais”.

Como é servidora concursada, Fabíola continuará atuando na área de saúde do município. Em nota, a prefeitura agradeceu “o empenho e dedicação da profissional enquanto esteve à frente da pasta”. 

Fabíola é graduada em Enfermagem pela Universidade Federal Fluminense (UFF), docente e dona de um currículo vasto, com participação em incontáveis congressos e simpósios na área de saúde. Esteve por trás de praticamente todas as campanhas de imunização e combate a doenças epidêmicas na cidade, incluindo dengue, sarampo, poliomielite e, mais recentemente, coronavírus. Era o braço-direito dos últimos governos em assuntos epidemiológicos.

Em entrevista exclusiva ao jornal A VOZ DA SERRA há duas semanas,   Fabíola confirmou que existe subnotificação de casos de Covid em Nova Friburgo e reforçou a necessidade de distanciamento social. Dos mais de 18 mil casos registrados até agora na cidade, 756 são profissionais de saúde, com cinco óbitos entre eles. 

Na época ela anunciou que, em parceria com a Secretaria de Ciência e Tecnologia, a Vigilância Sanitária planejava ampliar a capacidade de informatização e acesso das informações em tempo real das unidades de saúde pública e privada para combater a subnotificação e obter uma noção mais real da situação da pandemia no município. Ela comemorou, no entanto, a cobertura vacinal da Covid, já bem próxima da meta relativa aos idosos e trabalhadores de saúde.

 

LEIA MAIS

Exame é capaz de detectar, precocemente, se a criança possui alguma doença auditiva, como surdez

Apartamentos serão entregues em Teresópolis, Petrópolis, Sumidouro e São José do Vale do Rio Preto

Boletim da prefeitura registra, no entanto, mais 84 novos casos de quarta para quinta

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: saúde | covid | Governo