Dr. Norberto Louback Rocha

Dr. Norberto Louback Rocha

A Saúde da Mulher

O ginecologista e obstetra Norberto Rocha assina a coluna A Saúde da Mulher, publicada às terças no A VOZ DA SERRA. Nela, o médico trabalha principalmente a cultura de prevenção contra os males que atingem as mulheres.

Se não contarmos com o câncer, com todas as suas dezenas de tipos, podemos dizer que as doenças cardíacas são as maiores causadoras de mortes em todo o mundo. Mas existem outras duas que também são extremamente perigosas para o ser humano. São elas a diabetes e a obesidade. Quando se associam pressão alta, obesidade e diabetes, a pessoa estará vivendo num verdadeiro inferno. Sua vida, que será bastante curta segundo as estatísticas mundiais, não vai lhe permitir muitas alegrias e será cheia de restrições.

Leia mais

Mês passado, ao passar visita em pacientes internados num hospital da cidade, encontrei um funcionário do próprio hospital caminhando pelo corredor com ajuda de duas muletas. Parei para cumprimentar o rapaz e perguntar o que se passava com ele. Respondeu que estava sofrendo de fortes dores no quadril, do lado esquerdo, e que os exames mostravam um desgaste no colo do fêmur daquele lado, com certeza causado por uma infecção. Faltava descobrir o agente causador e de onde ele vinha. Desejei melhoras e boa sorte.

Leia mais

Como sempre acontece desde que nos entendemos por gente, começa o nosso encontro marcado com os vírus da gripe e do resfriado, velhos conhecidos que aparecem por aqui nestes meses frios. Já eram visitantes destas terras desde os tempos da colonização do Morro Queimado pelos suíços, que também devem ter sofrido nas mãos deles. Não tenho conhecimento de alguma estatística daqueles tempos antigos relatando informações a respeito das mortes causadas pelas gripes daqueles tempos, mas devem ter sido muitas principalmente entre crianças, idosos e pessoas enfraquecidas por alguma doença.

Leia mais

Entre os muitos avanços da ciência médica, um dos maiores foi a descoberta de que se poderia ajudar pessoas com problemas de saúde, através da colocação dentro de seus corpos, de dispositivos plásticos ou metálicos, que supririam a perda de função de estruturas naturais do corpo.

Leia mais

Quando o dia vai terminando e a noite começa a se anunciar, começa um verdadeiro sofrimento para milhões de pessoas no mundo. Já é um fato mais que conhecido, que mais de um terço dos humanos sofrem de algum tipo de dificuldade para dormir, enquanto outros dizem que dormem feito uma pedra. Segundo especialistas esta dificuldade para ter uma boa noite de sono não é coisa nova.

Leia mais

O mal de Parkinson

Hoje é bastante comum se ouvir pessoas comentando que um parente ou um amigo está sofrendo com a doença de Parkinson. Ela ficou mais popular depois que figuras do cinema, da música e do esporte, como o famoso lutador de boxe Muhamad Ali (ou Cassius Clay), reconhecido portador da doença. O nome Parkinson é em homenagem ao Dr. James Parkinson, médico inglês que foi o primeiro a descrever a doença em 1817. Hoje se sabe que em cada grupo de 700 pessoas uma sofre da doença. No Brasil, acredita-se que mais de 200 mil sofram do mal de Parkinson.

Leia mais

Segundo estatísticas do Ministério da Saúde, 350.000 brasileiros devem morrer este ano vitimados por doenças cardiocirculatórias, ou seja, aquelas que afetam o coração e as artérias que levam o sangue pelo corpo. A principal substância envolvida nesta dramática estatística é uma gordura que se chama colesterol. Muito importante para a saúde humana, pois é a partir dela que são produzidos os hormônios que fazem parte do organismo, como os da sexualidade, estrogênio e testosterona.

Leia mais

Quantos anos você gostaria de viver? Com certeza os jovens vão responder muitos e muitos anos, o máximo possível. Se a mesma pergunta for feita a alguém muito idoso, talvez a resposta possa surpreender. Pois muitos deles, já sofridos com o peso dos anos doendo nas costas, a perda de muitos ou de todos os amigos e parentes e as limitações impostas pela ferrugem do tempo, que lambe as juntas e morde o coração, podem responder que já não querem mais continuar nesta vida.

Leia mais

Dentro de um hospital, os colegas médicos conversam de muitos assuntos, além da medicina, pois afinal são cidadãos como todos os outros e participam dos mesmos problemas. Por mais de uma vez, durante alguns momentos de descanso na sala do café, percebi que alguns temas das conversas volta e meia se repetiam. Um dos que mais polêmica causava entre nós era a questão de filhos dos próprios colegas ou de pacientes que no meio das consultas relatavam suas preocupações familiares.

Leia mais

Uma das grandes preocupações de todas as pessoas, mulheres e homens, que já estão na faixa dos quarenta anos para frente é com a aposentadoria. Ainda mais agora, que se discute este assunto em todos os meios de comunicação, em todos os pontos de encontro e até mesmo nos locais de trabalho. Tem gente que tem uma certa folga na sua renda mensal, que já pensa em fazer uma pequena poupança para os filhos, com a ideia de pagar lá na frente uma faculdade particular se for preciso.

Leia mais