Preso ex-subsecretário estadual de Saúde por suspeita de fraude

Elé acusado de obter vantagens na compra emergencial de respiradores para pacientes de Covid-19 por R$ 170 mil cada um
quinta-feira, 07 de maio de 2020
por Jornal A Voz da Serra
O ex-subsecretário Gabriell Neves
O ex-subsecretário Gabriell Neves

O Ministério Público Estadual e a Polícia Civilprenderam nesta quinta-feira, 7, o ex-subsecretário estadual de Saúde Gabriell Neves e mais três pessoas: seu substituto Gustavo Borges da Silva e Aurino Batista de Souza Filho e Cinthya Silva Neumann. Gabriell foi exonerado em 20 de abril. O grupo é suspeito de ter obtido vantagens na compra emergencial de respiradores para pacientes de Covid-19 no estado, informa o portal de notícias G1.

Na sua decisão, o juiz Bruno Rulière, da Vara Criminal Especializada da capital, diz que Gabriell e Gustavo atuaram, de acordo com as investigações, nos processos administrativos suspeitos.

Cinthya é sócia da empresa Arc Fontoura Indústria e Comércio e Representações Ltda, que venceu o primeiro processo administrativo de contratação, com R$ 169.800 por respirador, somando valor correspondente a R$ 67,9 milhões. As investigações, no entanto, não encontraram provas da entrega dos respiradores ao poder público.

Um quinto integrante do grupo, Glauco Octaviano Guerra, ainda era procurada até a última atualização desta notícia.

O preso Aurino faz parte da A2A, uma empresa de informática que ganhou contrato para fornecer respiradores ao estado -- indícios de irregularidade foram mostrados pelo jornalista independente Rubem Berta em seu blog no início de abril.

Exoneração em abril

Gabriell Neves foi exonerado pelo governador Wilson Witzel por suspeita de irregularidades em contratos de R$ 1 bilhão, entre compras sem licitação de respiradores, máscaras e testes rápidos. Equipes do Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (Gaecc/MPRJ) e da Delegacia Fazendária cumprem 13 mandados de busca e apreensão no Município do Rio.

 

LEIA MAIS

Na próxima segunda será feriado para o setor em comemoração ao Dia do Comerciário

Número de óbitos permanece inalterado e de pacientes curados registra alta

Pesquisa da CNC aponta ainda queda no endividamento entre os mais ricos

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra