Mulheres se exercitam ao ar livre sem máscaras e sem distanciamento

Registro foi de um leitor no primeiro dia em que o uso do acessório passou a ser obrigatório
terça-feira, 26 de maio de 2020
por Jornal A Voz da Serra
O flagrante do leitor na Via Expressa
O flagrante do leitor na Via Expressa

Um leitor enviou à nossa redação a foto que mostra o flagrante de três mulheres praticando exercícios físicos na manhã desta terça-feira, 26, na academia ao ar livre localizada na Via Expressa, no bairro Olaria, bem em frente a Associação Friburguense de Amigos e Pais do Educando (Afape). A imagem não deixa claro, mas pelo menos uma das três mulheres não está utilizando máscara de barreira, justamente no primeiro dia em que o uso do acessório passou a ser obrigatório em todo o território friburguense, de acordo com o decreto que prorrogou as restrições no município até o próximo domingo, 31.

Além disso, as três mulheres estão muito próximas, desrespeitando as orientações de distanciamento seguro para evitar a propagação do novo coronavírus. No último dia 19, A VOZ DA SERRA publicou reportagem informando que o uso das academias ao ar livre está proibido por decreto enquanto durar a pandemia. Dias após a prefeitura cercou os espaços com fita zebrada, que já foram retiradas pela população.

Especialistas esclarecem que a prática esportiva ao ar livre é segura se for feita individualmente ou respeitando o distanciamento seguro, que o compartilhamento de aparelhos é o fator de maior risco para as pessoas e que a utilização de álcool em gel nesses ambientes (academias fechadas ou ao ar livre) já deveria ser obrigatória desde antes da pandemia. Isso porque a distância entre os aparelhos não é a ideal. Além disso, ao transpirar, a pessoa acaba passando a mão no rosto e no aparelho, que pode ficar contaminado caso ela esteja infectada. 

 

LEIA MAIS

“Cenário é de cautela”, diz coordenador do InfoGripe da fundação

Profissionais da cultura poderão fazer pedido do auxílio em nova plataforma digital, a partir de segunda

Cidade está perto de superar os 3 mil casos totais desde o início da pandemia. Óbitos continuam em 120

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra