Friburgo abre vacinação para todas as crianças de 5 a 11 anos com comorbidades

Campanha começa nesta quarta. Durante o dia serão entregues senhas nas próprias unidades
sexta-feira, 21 de janeiro de 2022
por Jornal A Voz da Serra
Friburgo abre vacinação para todas as crianças de 5 a 11 anos com comorbidades

Na próxima quarta-feira, 26, a prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde, realizará a vacinação contra a Covid-19 em crianças de cinco a 11 anos com deficiência permanente ou comorbidade, em Nova Friburgo.

Para a campanha de imunização, são consideradas pelo Ministério da Saúde as seguintes comorbidades: diabetes mellitus, pneumopatias crônicas graves, hipertensão arterial resistente (HAR), hipertensão arterial estágio 3, hipertensão arterial estágios 1 e 2, como lesão em órgão-alvo; insuficiência cardíaca (IC), cor-pulmonale e hipertensão pulmonar, cardiopatia hipertensa, síndromes coronarianas, valvopatias, miocardiopatias e pericardiopatias, doenças da aorta, de grandes vasos e fístulas arteriovenosas, arritmias cardíacas, cardiopatias congênitas no adulto, próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados, doenças neurológicas crônicas, doença renal crônica, imunocomprometidos, hemoglobinopatias graves, obesidade mórbida, síndrome de down e cirrose hepática.

A vacina estará disponível no ginásio poliesportivo Alberto da Rosa Pinheiro (Pastão), em Conselheiro Paulino; posto Tunney Kassuga, em Olaria; ginásio poliesportivo João Antunes Nogueira (Bieca), no Cordoeira; na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), na Lagoinha; e na UBS/ESF de São Geraldo, das 9h às 15h. Já nas Estratégias de Saúde da Família de Amparo, Riograndina, Campo do Coelho, Mury, Varginha, Centenário, Lumiar e Vargem Alta, o imunizante será ofertado das 9h às 13h. 

É obrigatória a apresentação do CPF, RG, cartão de vacinação infantil, comprovante de residência e uma declaração médica ou receita que comprove a comorbidade. Durante o dia serão entregues senhas nas unidades, já que as doses serão distribuídas de forma proporcional e igualitária em todos os postos. Vale ressaltar que não há a necessidade de aglomeração nas filas pois, de acordo com o recebimento de doses, a Secretaria de Saúde vai oferecer a vacina a todas as crianças na faixa etária estabelecida.

Anvisa libera CoronaVac para crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou nesta quinta-feira, 20, a aplicação do imunizante CoronaVac em crianças e adolescentes com idade entre 6 e 17 anos - exceto em casos de menores imunossuprimidos (com baixa imunidade). A decisão foi tomada durante reunião extraordinária da diretoria colegiada.

Crianças e adolescentes com comorbidades também poderão receber a vacina, que será aplicada em duas doses, com intervalo de 28 dias. A vacina é a mesma utilizada atualmente na imunização de adultos, sem nenhum tipo de adaptação para uma versão pediátrica.

A decisão foi unânime. Ao todo, cinco diretores votaram a favor da liberação: Meiruze Sousa Freitas, Alex Machado Campos, Rômison Rodrigues Mota, Cristiane Rose Jourdan e o próprio diretor-presidente da Anvisa, Antônio Barra Torres.

Por meio das redes sociais, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, comentou a aprovação do uso emergencial da CoronaVac para a faixa etária de 6 a 17 anos. "Todas as vacinas autorizadas pela Anvisa são consideradas para a PNO (Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra Covid-19). Aguardamos o inteiro da decisão e sua publicação no DOU", disse, em sua conta no Twitter.

Butantan

Por meio de nota, o Instituto Butantan, fabricante da CoronaVac em parceria com a biofarmacêutica chinesa Sinovac, informou que a autorização ocorreu após avaliação de pedido enviado à Anvisa no dia 15 de dezembro, embasado em estudos de segurança e resposta imunológica vindos de países como Chile, China, África do Sul, Tailândia e também do Brasil.

"A CoronaVac é cientificamente comprovada como a vacina mais segura e com menos efeitos adversos, além de ser a vacina mais utilizada em todo o mundo, com mais de 211 milhões de doses administradas no público infantil e juvenil (de 3 a 17 anos) somente na China", destacou o comunicado. "O Instituto Butantan, que há 120 anos trabalha a serviço da vida, está preparado para fazer parte de mais esta batalha para derrotar o vírus da Covid-19 no país", concluiu a nota.

 

LEIA MAIS

Na sexta-feira tem mais uma repescagem para todas as idades, somente na Uerj

Profissionais celebram seu dia nesta quinta. Projeto beneficia também técnicos e auxiliares, além de parteiras

Também continuam as campanhas contra a gripe e o sarampo

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 77 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: saúde | vacina