Tempestade tira sono de friburguenses durante a madrugada

Apesar dos alertas, Defesa Civil não registra ocorrências. Tempo segue instável, com possibilidade de novos temporais
quinta-feira, 19 de novembro de 2020
por Adriana Oliveira (aoliveira@avozdaserra.com.br)
Tempestade tira sono de friburguenses durante a madrugada

As chuvas, em alguns momentos torrenciais, que caíram no início da madrugada desta quinta-feira, 19, tiraram o sono de muitos friburguenses. Mas, segundo a Defesa Civil Municipal, não foram registradas ocorrências significativas. 

O acumulado em 24h, das 10h de quarta às 10h de quinta, foi, em média, 24 milímetros. Os maiores acumulados de chuva foram registrados em Vila Nova (52,5mm) e os menores, em Riograndina (19mm).

Nesta quinta e nos próximos dias o tempo deve continuar instável, com possibilidade de aberturas de sol e mais chuvas, de moderadas a ocasionalmente fortes, a qualquer hora. O tempo só deve firmar novamente a partir de terça-feira, 24, após o feriadão da Consciência Negra.

Segundo o Climatempo, as nuvens carregadas são causadas pelo deslocamento e a intensificação de um sistema de baixa pressão atmosférica entre a superfície e os níveis médios da atmosfera e o processo de formação de um ciclone no mar entre a costa do Rio e do Espírito Santo. Até sexta-feira, 20, ainda há previsão de temporais e fortes rajadas de vento em todo o estado.

Durante o fim de semana, as áreas de instabilidade enfraquecem sobre o estado. A chuva e a nebulosidade diminuem, mas ainda poderá chover a qualquer hora. 

 

LEIA MAIS

Bloqueio atmosférico dificultará chegada de frentes frias e dias devem ser ensolarados, com temporais nos fins de tarde

Empresa diz que itinerários normais serão retomados assim que circulação segura dos ônibus for possível

Municípios mais atingidos são Itaperuna e Aperibé

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: Clima