Ruas do Centro de Friburgo ganham novas papeleiras

No total, são 40 novas lixeiras de ferro e outras 20 de plástico
sexta-feira, 01 de julho de 2022
por Jornal A Voz da Serra
A nova papeleira (Divulgação)
A nova papeleira (Divulgação)

A Secretaria Municipal de Serviços Públicos vem promovendo a   substituição de papeleiras em alguns pontos do centro de Nova Friburgo. No total, 40 novas lixeiras de ferro foram instaladas ao longo da Avenida Alberto Braune e em algumas ruas transversais, e outras 20 papeleiras de plástico foram realocadas para a Praça Getúlio Vargas, que receberá, ainda, mais 20 nos próximos dias. 

O distrito de Lumiar também recebeu dez novas lixeiras de ferro. A prefeitura estuda ainda a possibilidade de ampliar a utilização deste novo padrão de lixeiras por todo centro da cidade, contemplando também alguns pontos do distrito de Conselheiro Paulino e bairros como Olaria e Ponte da Saudade.

As novas lixeiras de ferro são mais resistentes e foram doadas pela concessionária responsável pela coleta e tratamento do lixo no município, a Empresa Brasileira de Meio Ambiente (EBMA). Infelizmente, as lixeiras têm sido alvos frequentes de vândalos, sendo depredadas e até mesmo incendiadas. As papeleiras de plástico são mais frágeis e, quando danificadas, não podem ser recuperadas e reaproveitadas. Já as lixeiras de ferro têm uma vida útil maior, podendo passar por reparos.

As papeleiras são instrumentos fundamentais na limpeza pública, pois evitam que pequenos resíduos sejam descartados inadequadamente em calçadas, canteiros e nas ruas e, consequentemente, sejam arrastados para galerias e bueiros em dias de chuva. A prefeitura pede a colaboração da população para conservar as lixeiras e ressalta que qualquer ato de vandalismo contra o patrimônio público deve ser denunciado à Guarda Municipal pelo telefone 153.

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 77 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: