Bom Jardim e outras cidades da região terão água e esgoto privatizados

Grupo Águas do Brasil assumirá concessão também nos municípios de Carmo, Macuco, Sumidouro e Trajano de Moraes
quinta-feira, 30 de dezembro de 2021
por Jornal A Voz da Serra
Foto: Henrique Pinheiro
Foto: Henrique Pinheiro

Foi realizado nesta quarta-feira, 29, o leilão do Bloco 3 da concessão da Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (Cedae), que concedeu à iniciativa privada o saneamento de 20 municípios do estado: Bom Jardim, Bom Jesus do Itabapoana, Carapebus, Carmo, Itaguaí, Itatiaia, Macuco, Natividade, Paracambi, Pinheiral, Piraí, Rio Claro, Rio das Ostras, São Fidélis, São José de Ubá, Sapucaia, Seropédica, Sumidouro, Trajano de Moraes e Vassouras. Bairros da Zona Oeste da capital fluminense (AP 5) também estão inclusos nesta licitação para o serviço de abastecimento de água.

O grupo  Águas do Brasil, que já explora o serviço em Nova Friburgo, através da concessionária Águas de Nova Friburgo, ficará responsável também pelos municípios de Bom Jardim, Carmo, Macuco, Sumidouro e Trajano de Moraes.

O lance vencedor foi de R$ 2,2 bilhões e equivale a um ágio de 90% em relação ao valor de outorga mínima de R$ 1,16 bilhão.

A Águas do Brasil espera universalizar, em até 11 anos, o fornecimento de água e tratamento de esgoto para as mais de 2,7 milhões de pessoas que moram nesses locais, conforme prevê o novo marco legal do saneamento. No ritmo anterior, seriam necessários, no mínimo, 140 anos, segundo a Firjan.

Ainda de acordo com a Firjan, são previstos R$ 4,7 bilhões em investimentos. Atualmente, no estado, 5,6 milhões de pessoas vivem sem tratamento de esgoto.

No Estado do Rio, mais de um milhão de pessoas ainda não têm acesso a abastecimento de água e mais de 60% do esgoto produzido em nosso território não são tratados. A concessão à iniciativa privada vai acelerar o desenvolvimento socioeconômico fluminense. O estado e municípios receberão mais de R$ 50 bilhões, entre outorga paga pelos consórcios vencedores dos leilões dos blocos e investimentos que deverão ser realizados.

 

LEIA MAIS

Segundo concessionária, abastecimento em várias localidades de Conselheiro não chegou a ser afetada

Entre as novidades está a construção de duas novas Estações de Tratamento de Esgoto

Fornecimento periódico foi suspenso em bairros atendidos pelo sistema Caledônia, como parte de Olaria, Cônego, Bairro da Graça, Cascatinha e outros

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 77 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: água