Antônio Fernando

Blog do Antônio Fernando

Friburguense, jornalista, 65 anos, taurino e vascaíno. Antônio Fernando atuou em diversos veículos de Nova Friburgo e atualmente é redator das colunas Radar e Impressões onde ele deleita o leitor de A VOZ DA SERRA com suas visões peculiares sobre o mundo.

10/02/2018

Linha do tempo

“Se o amor é fantasia, eu me encontro ultimamente em pleno carnaval”. (Vinícius de Moraes)

“O povo toma pileques de ilusão com futebol e carnaval São estas as suas duas fontes de sonho”. (Carlos Drummond de Andrade)

“Alegria é um bloco de carnaval que não liga se não é fevereiro. (Adriana Falcão)

“Fantasia é um troço que o cara tira no carnaval”. (João Bosco)

Leia mais
09/02/2018

A queda de 4,73% no custo da energia elétrica em janeiro deste ano foi o principal freio da inflação oficial (0,29%), medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Segundo o IBGE, o recuo das tarifas foi provocado pelo fim da cobrança do adicional de R$ 0,03 para cada quilowatt-hora (kWh) consumido, referente à bandeira tarifária vermelha patamar 1, que vigorava em dezembro. A queda do preço da energia elétrica também foi impactada pela redução da alíquota do PIS/Cofins, em algumas das regiões pesquisadas.

Produção industrial

Leia mais
08/02/2018

Avanço da inflação

A inflação da classe C avançou em janeiro de 2018 em relação a dezembro de 2017, segundo IPC-C1 (Índice de Preços ao Consumidor — Classe 1), divulgado pela Fundação Getulio Vargas (FGV).

*****

Leia mais
06/02/2018

Menos assinantes

O serviço de telefonia fixa terminou 2017 com queda de 2,96% no número de assinantes. No total, nos últimos 12 meses, houve redução de 1,2 milhão de linhas, fazendo com que o número de contratos do serviço terminasse o ano com 40,8 milhões de linhas em operação. Os números, divulgados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), também mostram que, no ano, as empresas as autorizadas perderam 134,7 mil linhas, uma queda de 0,11%, e as concessionárias tiveram redução de 1,1 milhão de unidades, recuo de 4,48 %.

Leia mais
03/02/2018

Aposentadoria facilitada

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) vai conceder de forma automática, a partir da segunda quinzena deste mês, a aposentadoria por tempo de contribuição. A estimativa é de que cerca de 200 mil segurados tenham o direito de se aposentar automaticamente, sem precisar encarar a burocracia dos postos de atendimento.

*****

Leia mais
03/02/2018

Linha do tempo

Ô Abre Alas
(Chiquinha Gonzaga)

“Ô Abre Alas,
Que eu quero passar (2 X)
Eu sou da Lira,
Não posso negar (2 X)
Ô Abre Alas,
Que eu quero passar (2 X)
Rosas de Ouro é quem vai ganhar (2 X)”

Botando o bloco na rua

Leia mais
02/02/2018

Crescimento da indústria

Após três anos de quedas consecutivas, a produção industrial brasileira fechou o ano passado com crescimento acumulado de 2,5%, na comparação com 2016, puxada pelo setor automotivo. Este é o primeiro resultado anual positivo desde 2013, quando a indústria fechou com expansão de 2,1%, e o maior desde 2010, ano em que a indústria teve o recorde de 10,2% de crescimento.

*****

Leia mais
01/02/2018

Desemprego no Brasil

A taxa de desemprego média de 2017 ficou em 12,7%, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – Contínua (PNAD Contínua), divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em 2016, a taxa ficou em 11,5%. O total de desocupados chegou a 13,2 milhões na média do ano, um aumento de 12,5% na comparação com a média do ano anterior (11,7 milhões).

*****

Leia mais
31/01/2018

Incerteza na economia

O Indicador de Incerteza da Economia, medido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), subiu 2,2 pontos de dezembro de 2017 para este janeiro. O indicador chegou a 109,6 pontos, em uma escala de zero a 200.

Segundo a FGV, o resultado de janeiro “reforça a ideia de que será difícil, pelo menos em curto prazo, ver a incerteza econômica oscilar em torno de sua média histórica de 100 pontos”. Ainda há incertezas em torno da situação fiscal do país e de questões político-partidárias.

Indústria cinematográfica

Leia mais
27/01/2018

Fies com juro zero

Cem mil estudantes de famílias de baixa renda poderão contratar empréstimos do novo Financiamento Estudantil (Fies) corrigidos apenas pela inflação. O Conselho Monetário Nacional (CMN) regulamentou os juros reais zero para as operações de crédito concedidas a universitários de domicílios com renda per capita de até três salários mínimos. Sancionada em dezembro pelo presidente Michel Temer, a lei que cria o novo Fies ainda precisava ser regulamentada pelo CMN para que os financiamentos para os estudantes de baixa renda pudessem ser contratados.

Leia mais