Revitalização do asfalto deixa RJ-116 em pare e siga em Papucaia

Ainda de acordo com a Rota 116, também há operários fazendo a marcação das faixas de sinalização horizontal no trecho já recuperado
quinta-feira, 26 de novembro de 2020
por Jornal A Voz da Serra
Foto: Rota 116
Foto: Rota 116

A concessionária Rota 116, que administra a rodovia RJ-116 (Itaboraí – Nova Friburgo – Macuco), divulgou um informe no fim da manhã desta quinta-feira, 26, alertando os motoristas que a rodovia está funcionando no esquema pare e siga na altura do Km 20 ao 21, em Papucaia, distrito de Cachoeiras de Macacu. No local está sendo aplicada nova camada asfáltica, dando continuidade ao trabalho de revitalização do pavimento naquela região.

Ainda de acordo com a Rota 116, também há operários fazendo a marcação das faixas de sinalização horizontal no trecho já recuperado. Motoristas devem trafegar pelo local em baixa velocidade e respeitar as orientações dos operadores de tráfego que atuam no local.

Outras equipes da concessionária fazem a poda de galhos e remoção da vegetação ao longo do acostamento do Km 31 ao 44, em Cachoeiras de Macacu, e entre os Km’s 108 e 113, no trecho Norte, entre Bom Jardim e Duas Barras. No Km 49 ao 65, na Serra dos Três Picos, operários fazem a manutenção das tachas refletivas horizontais que dão segurança noturna aos usuários.

Já no município de Cordeiro, mas no trevo do Km 123, o primeiro de acesso ao município, continuam as obras de readequação e melhorias do trevo com a instalação de uma nova rede de drenagem de águas pluviais com manilhas de 1500 milímetros, que ampliará o escoamento das águas naquele trecho. Por fim, a concessionária informa que o tráfego de veículos é normal em todo o trecho concedido nesta quinta-feira e que o tempo está aberto em Itaboraí e nublado nos demais municípios da área de concessão da Rota 116.

 

LEIA MAIS

Saiba o passo a passo para imprimir o boleto com o valor deste ano. Licenciamento também já pode ser pago

Prefeitura já recebeu o material e as informações do governo do estado e fará o cadastramento para pleitear viabilização de projetos

Tempo perdido na fila para renegociar tributos municipais chega a quatro horas e meia

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: Trânsito | Turismo