PM apreende menor de idade suspeito de tráfico de drogas na Granja Spinelli

Menor, vindo do Rio de Janeiro, já tinha mandado de busca e apreensão
sábado, 11 de julho de 2020
por Jornal A Voz da Serra
(Foto: 11ºBPM)
(Foto: 11ºBPM)

A polícia militar informou através de seu boletim à imprensa que, na noite da última sexta-feira, 10, agentes 11ºBPM (PATAMO ),  após receberem denúncia de tráfico de drogas na Rua Lindolfo Goldinho, na Granja Spinelli, agentes procederam até o local e efetuaram a apreensão de um menor de idade de 17 anos.

Após uma abordagem ao acusado, de acordo com a PM, foram encontrados 15 pequenos tubos de cocaína. O suspeito informou para a equipe que é oriundo do Rio de Janeiro e que estava ali para compor o tráfico de drogas da localidade.

A ocorrência foi apresentada na 151° DP onde foi constatada a existência de um mandado de busca e apreensão contra o acusado, mas suspenso pela situação da pandemia no país. Todo material e o acusado ficaram apreendidos na DP.

 

LEIA MAIS

Com ele, a PM apreendeu uma pistola e dois revólveres, além de farta quantidade de drogas

Policiais foram recebidos a tiros, mas os agentes conseguiram prender outro elemento, além de apreenderem drogas, arma e munição

Criminosos fugiram e ninguém foi preso, mas PM apreendeu drogas

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra