Friburguenses criam campanha para trocar máscaras por alimentos

Projeto "Amigos que doam" ajudam pessoas que estão no grupo de risco e não podem comprar máscaras e famílias carentes que não conseguem comprar alimentos
quarta-feira, 15 de abril de 2020
por Jornal A Voz da Serra
(Fotos: Divulgação)
(Fotos: Divulgação)

Devido a pandemia do Covid-19, o uso de máscaras se tornou essencial para quem precisa transitar pelas ruas para trabalhar e realizar outras tarefas. Pensando nisso e em ajudar quem precisa, a friburguense Nilza Lemos junto com o marido, Adenilson Lemos e as filhas Diana e Amanda Lemos resolveram ajudar confeccionado máscaras artesanais, já que eles trabalham com facção, fabricando calcinhas e possuem máquinas de costura e material em casa.

A família tem um grupo no Facebook e criou a página "Amigos que doam" que já realizou diversas campanhas anteriores. A campanha, que está sendo realizada em parceria com a Associação de Moradores do bairro Rui Sanglard está sendo um sucesso: até o momento já foram trocadas 500 máscaras de tecido e distribuídas várias cestas básicas, ajudando várias famílias carentes em diversas localidades, como o Alto do Floresta, Riograndina e São Geraldo. Vale lembrar que qualquer pessoa pode doar e realizar a troca.  A família Lemos também está aceitando doações através de uma vaquinha virtual: http://vaka.me/980579

"Não é um trabalho só meu e da minha família, são de todos os amigos que consegui reunir no Facebook. São pessoas dispostas, mesmo na quarentena, a fazer a diferença na vida de outras famílias, pois o vírus mata, mas a solidariedade salva", ressalta Nilza.  

Pontos de arrecadação 

  • Farmácia FarMelhor: Rua Moisés Amélio, 31 - Centro 

  • Farmácia FarmaVita: Rua Plácido Lopes Martins , 1690, Loja 6 - Jardim Ouro Preto

  • Criativo Cores: Rua José Ernesto Knust, 7 - Conselheiro Paulino

  • Hortifrut Conselheiro:  Rua João Alberto Knust, 36 - Conselheiro Paulino

(Reportagem do estagiário Thiago Lima com a supervisão de Henrique Amorim.) 

 

Foto da galeria

LEIA MAIS

Compras são para atender as necessidades do Hospital Raul Sertã, pelo período de 120 dias

Nesta sexta-feira, estabelecimentos com último dígito do CNPJ par estão autorizados a funcionar, salvo algumas exceções

Novas remessas serão repassadas aos governos dos estados e destes para os municípios

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 77 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra