Cães são resgatados de montanha em operação que durou mais de 14 horas

Animais estavam perdidos a 150 metros de altura, fracos e famintos
quarta-feira, 22 de janeiro de 2020
por Guilherme Alt (guilherme@avozdaserra.com.br)
O grupo que resgatou os cães (Arquivo pessoal)
O grupo que resgatou os cães (Arquivo pessoal)

 

Na manhã da última terça-feira, 21, o grupo Caçadores de Aventura e uma equipe do Corpo de Bombeiros de Nova Friburgo realizaram um resgate emocionante de dois cães que estavam perdidos no alto da montanha Pena Branca, no distrito de Amparo. Segundo Rosalvo Tavares, do Caçadores de Aventura, o resgate durou mais de 14 horas.

“Na segunda-feira, 20, fui informado que um cachorro estava preso no alto da montanha há vários dias e latia muito. Com a ajuda de mais três amigos partimos para Amparo no dia seguinte”, contou. 

Ainda de acordo com Rosalvo, os animais estavam a uma grande altura que o equipamento levado para o resgate não foi suficiente. Foi preciso retornar para pegar mais 130 metros de cordas e, mesmo assim, não foi o bastante.

“Quando chegamos ao local, uma equipe do Corpo de Bombeiros já estava presente e, assim como nós, os equipamentos que os militares levaram não deram conta. Aí, unimos nossas forças. Os cachorros estavam presos a 150 metros de altura, famintos e fracos”, relatou o montanhista após o resgate, que teve início às 6h e só terminou às 20h.

Ao fim do resgate, um dos cachorros conseguiu se desvencilhar da equipe e fugiu. O outro, que estava mais fraco, está em observação.

“Ao final do resgate, um dos cachorros, assim que tocou o solo, fugiu. Ele estava há quase dez dias sem comer e beber, certamente foi procurar um alimento. O outro animal está conosco sob cuidados veterinários, porque tiramos muito bicho dele. Vamos procurar o outro para medicá-lo e cuidar dele, também”, completou. 

 

LEIA MAIS

Campanha educativa tem objetivo de coibir maus-tratos e incentivar adoção

Declarações de um “pai” e uma “mãe” apaixonados por pets

Ação acontecerá em parceria com os abrigos e grupos de proteção animal da cidade

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: pets