Morre primeira técnica de enfermagem contaminada por Covid-19 em Friburgo

Cidade já tem 121 infectados, e profissionais da saúde são mais de um terço deles. Óbitos sobem para 12
segunda-feira, 18 de maio de 2020
por Adriana Oliveira (aoliveira@avozdaserra.com.br)
A técnica de enfermagem Tereza Cristina Miranda (Reprodução da web)
A técnica de enfermagem Tereza Cristina Miranda (Reprodução da web)

Morreu neste domingo, 17, a primeira técnica de enfermagem de Nova Friburgo infectada pelo coronavírus. Tereza Cristina Miranda, de 65 anos, tinha mais de 40 anos de profissão e trabalhava na Maternidade.

Tereza Cristina era um dos 47 profissionais da área de saúde já contaminados pelo Covid-19 na cidade. Segundo o boletim da prefeitura sobre a pandemia divulgado nesta segunda-feira, 18, o município agora tem um total de 121 casos já confirmados da doença, oito a mais em relação à última sexta. E a parcela dos profissionais de saúde com a doença são mais de um terço do total de pessoas contaminadas.

Com a morte de Tereza Cristina, Nova Friburgo registra agora 12 óbitos causados pela Covid-19 e um total de 44 casos suspeitos em investigação laboratorial (18 em isolamento domiciliar, 19 hospitalizados e outros sete óbitos). O boletim informa ainda que chega a 216 o número de pacientes curados.

O gráfico da evolução da doença nos últimos dois meses, com a tabulação dos dados oficiais a cada três dias, desde o primeiro boletim oficial, em 17 de março, mostra a escalada dos casos confirmados a partir de abril (em vermelho):

Em nota, a prefeitura, a Secretaria Municipal de Saúde e o Hospital Maternidade Mário Dutra de Castro manifestaram  pesar e consternação pelo falecimento da técnica de enfermagem.

A enfermagem, profissão que teve seu dia internacional celebrado em 12 de maio,  está na linha de frente do combate ao Covid-19, "enfrentando seus próprios receios para conter a escalada da pandemia e prestar assistência aos pacientes. Temos reforçado nosso compromisso, com cada profissional, de fazer tudo o que se fizer necessário para protegê-los. E Tereza Cristina Miranda será sempre lembrada pelo amor à profissão. Aos familiares, amigos e colegas de Teresa Cristina Miranda, prestamos nossas condolências", diz a nota da prefeitura.

A evolução da pandemia da Covid-19 em Nova Friburgo, que em um mês e meio fez o número de casos confirmados dispararem de um para 113, levou o prefeito Renato Bravo a baixar mais um decreto, prorrogando por mais uma semana, até dia 25, as medidas de isolamento social. 

A VOZ DA SERRA se solidariza com a família, os amigos e todos os colegas de profissão de Tereza Cristina neste momento de dor e de luta.

Os números no estado

No estado são 26.665 casos confirmados e 2.852 óbitos por coronavírus, segundo boletim divulgado nesta segunda, 18.  Há ainda 941 óbitos em investigação e 218 casos foram descartados. Até o momento, entre os casos confirmados, 21.961 pacientes se recuperaram da doença.
 

LEIA MAIS

Ao todo, 38,6% dos leitos de enfermaria no município estão ocupados (29 de 75), enquanto os leitos de UTI registram ocupação média de 54,8% (17 do total de 31)

Iniciativa cria centro de pesquisas voltado à indústria têxtil de Friburgo e prevê aprimoramento de respiradores

Comércio de rua pode abrir também neste sábado; bares e restaurantes podem lotar até 70% da capacidade e fechar às 22h

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra