Maconha era plantada em residência em Boa Esperança, em Lumiar

Policiais do 11º BPM apreenderam 16 pés e dois tabletes da droga. Um homem foi preso
segunda-feira, 18 de outubro de 2021
por Jornal A Voz da Serra
As mudas apreendidas (Foto: 11 BPM)
As mudas apreendidas (Foto: 11 BPM)

Na tarde de domingo, 17, policiais militares do 11º BPM do DPO de Lumiar, encontraram, após denúncia, o plantio de manconha  em uma residência na localidade de Boa Esperança. Foi preso um homem de 49 anos que tentava se desfazer das mudas. Foram recolhidos 16 pés de maconha, dois tabletes da droga, três estiletes, uma tesoura e sacolas.

Na manhã de sexta-feira, 15, PMs  do Patamo prenderam na Rua Antônio Banjar, no Catarcione, um homem de 20 anos com 60 unidades de cocaína e R$ 40.

Na tarde de sábado, 16/, Pms do Serviço Reservadoem  patrulhamento na na Rua Ary Parreira, em Olaria, abordaram um homem de 53 anos de idade que estava com uma carga de cocaína. Outro homem, de 22 anos, tentou fugir e foi preso. Foram recolhidos 137 papelotes.

Na manhã de domingo, 17, policiais militares do Patamo em patrulhamento na Estrada Fazenda da Laje, em Conselheiro Paulino, encontraram com dois homens de moto, em fuga  por uma mata de difícil acesso,  uma sacola com 50 unidades de cocaína.

Todas as ocorrências foram apresentadas na 151ª DP,  onde todos os acusados foram autuados e o material recolhido  ficou apreendido.

 

 

LEIA MAIS

Homem foi preso com 3.855 unidades de cocaína e 790 de maconha

Armas usadas pelo acusado, que tinha mandado de prisão em aberto, foram encontradas depois em Conselheiro

Ele ficou preso na Deam por ser reincidente, com o agravante de estar na condicional por tráfico

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: tráfico