Cauã Raymond diz que sofreu bullying quando estudava em Friburgo

"Na 5ª série, fui eleito o mais bonito. Um ano depois, o mais feio", conta ator em entrevista ao "Extra"
segunda-feira, 10 de janeiro de 2022
por Jornal A Voz da Serra
Cauã Reymond quando criança e hoje (Reprodução da web)
Cauã Reymond quando criança e hoje (Reprodução da web)

Em entrevista ao jornal “Extra”, publicada neste domingo, 9, o ator Cauã Raymond revela que sofreu bullying quando estudava em Nova Friburgo, chegando a ser eleito o mais feio da turma. 

“Quando estava na  5ª série, fui eleito o mais bonito. Um ano depois, o mais feio. Na época, morava em Nova Friburgo. Sofria bullying por causa da minha aparência. Fico muito lisonjeado com esse lugar em que me colocam hoje (um dos homens mais cobiçados do país), mas a verdade é que só comecei a me achar mais bonito depois dos 30. Já tinha trabalhado como modelo, posado para grandes fotógrafos, feito campanhas dentro e fora do Brasil, desfilado para marcas incríveis. Mas só na fase mais madura fui me amar e me curtir. É uma questão de amor-próprio, não só de estética. Fiquei mais cuidadoso comigo”, conta o galã, hoje com 41 anos e em destaque na novela “Um lugar ao sol”, da Rede Globo.

Ex-aluno do Colégio Nossa Senhora das Dores, assim como o irmão Pável, de 33 anos, Cauã tem no curículo  11 novelas, cinco séries e cerca de 20 filmes.

 

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 77 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: