Asserj alerta para o risco de desabastecimento

“Não temos como garantir pleno abastecimento dos supermercados situados na cidade de Nova Friburgo”, esclarece o documento
sábado, 10 de abril de 2021
por Jornal A Voz da Serra
Asserj alerta para o risco de desabastecimento

A Associação de Supermercados do Estado do Rio de Janeiro (Asserj) se manifestou oficialmente sobre o decreto de rodízio de funcionamento dos estabelecimentos pelo número final do CNPJ. A associação alerta para o risco de Nova Friburgo sofrer desabastecimento nos próximos dias. "A Associação de Supermercados do Estado do Rio de Janeiro foi surpreendida com o decreto que restringe o funcionamento de supermercados em Nova Friburgo. O rodízio por CNPJ, estabelecido pela prefeitura, afeta diretamente as atividades deste serviço que, por lei, é considerado essencial. 

Desde a publicação, no Diário Oficial, a Associação tenta dialogar com o poder executivo sobre as consequências desta medida, considerada de risco pelo setor. Friburgo tem 18 supermercados para 200 mil habitantes. Restringir metade dessas lojas num único dia pode gerar aglomeração nas demais. A Asserj entende o momento da pandemia na cidade e coopera para o recuo da chamada bandeira roxa, com todas as medidas de higiene e distanciamento sendo cumpridas nas lojas. Alguns associados já afirmam que não abrirão as lojas por questão de segurança. Desta forma, pela primeira vez, desde o início da pandemia, não temos como garantir pleno abastecimento dos supermercados situados na cidade de Nova Friburgo”, esclarece o documento.

O que diz a prefeitura

Em nota, a Prefeitura de Nova Friburgo esclarece que “o novo decreto não impede que mercados, supermercados e congêneres possam receber as mercadorias dos seus fornecedores nos dias em que estes estabelecimentos não estejam autorizados a funcionar. Ressalta que os estabelecimentos podem receber mercadorias sim, devendo, no entanto, permanecer fechado para atendimento ao público no dia em que não esteja autorizado. Reforça ainda que não há risco de desabastecimento na cidade por conta do rodízio.”

 

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: