Hamilton Werneck

Hamilton Werneck

Eis um homem que representa com exatidão o significado da palavra “mestre”. Pedagogo, palestrante e educador, Hamilton Werneck compartilha com os leitores de A VOZ DA SERRA, todas as quartas, sua vasta experiência com a Educação no Brasil.

01/02/2017

Uma homenagem a Zigmunt Bauman, falecido em janeiro de 2017.

Os artistas sentem, de modo peculiar, os problemas do mundo, as crises da sociedade. Os artistas têm olhos especiais e conseguem discernir em meios complexos as causas e os efeitos.

Músicas, pinturas, esculturas, grafites nas paredes e muros refletem uma sociedade sadia ou doente. Os músicos captam esses problemas e lançam suas letras que, por sua vez, são aceitas pelo povo cantor por ser de compreensão fácil, enquanto retratam a realidade.

Leia mais
24/01/2017

Uma homenagem a Zigmunt Bauman falecido em janeiro de 2017

A violência velada existe. A palmatória foi abolida, a vara de marmelo também. Ninguém mais admite bater com uma régua na cabeça dos alunos e colocá-los de joelhos sobre caroços de milho. Beliscão ficou fora de moda e é contra a legislação, assim como os “cocorotes” que caracterizavam as ações enérgicas de alguns mestres e mestras da década de 1930.

Leia mais
17/01/2017

Uma homenagem a Zigmunt Bauman falecido em janeiro de 2017

Não se assuste, meu caro colega de magistério, o mundo está inundado de medo e as pessoas brincam com ele. A violência está inserida no próprio brinquedo, nas palavras das músicas funk e nos sites que disseminam a morte, através de pesquisas de ficção para mostrar como se banaliza a morte. Não se pode esperar que uma geração contaminada em seu interior pela derrota, pela exacerbada sensualidade, sem absoluto respeito pelo outro, construa uma cidadania de bom relacionamento, inclusive com os educadores.

Leia mais
11/01/2017

A diferença é que as mortes não contaram com a intervenção policial e representam a metade dos mortos no massacre em São Paulo.

Depois do fato, procuram-se os culpados. A psicanálise usa os “três Cs” para elucidar problemas psicológicos. Você CRIOU esta situação? Você é CULPADO por ela ter acontecido? Você deve CORRIGIR este problema? A resposta indicará o responsável. E a pergunta é feita ao Estado do Amazonas e à União Federal.

Leia mais
29/12/2016

Encaminhada ao legislativo e com acalorados debates à vista, deverá chegar ao final da votação em meados de 2017.

Esta reforma leva em conta o aumento da média de vida dos brasileiros. Se hoje a média de vida atingiu os 75 anos, prevê-se para 2050 que o Brasil atinja 95 anos de média de vida.

Leia mais
22/12/2016

Foi aprovada recentemente a PEC (Proposta de Emenda Constitucional) que proíbe ao governo gastar mais do que arrecada por um período de vinte anos, podendo ser flexibilizado após dez anos. Interessante que qualquer família não pode gastar mais do que o salário que ganha pela vida inteira. Gastar mais que o salário só se tiver outra renda oriunda de aluguéis ou poupança.

Leia mais
14/12/2016

Com a criação do núcleo comum e da parte diversificada, as escolas, sobretudo do sistema particular de ensino, terão problemas de sobrevivência econômica se tiverem um ensino médio com número reduzido de alunos. Como dividir em quatro áreas de interesse uma série escolar com quarenta alunos? Assim, há apreensão muito grande por parte de escolas menores. Quanto ao setor público, o mesmo ocorrerá. A diferença é que o empreendimento público tem a aparência de que nunca vai à falência.

Leia mais
07/12/2016

Outro pomo de discórdia em relação à reforma é a questão da contratação de pessoas com “notório saber”. Também aqui precisamos refletir e abrir os ângulos de observação: primeiro, desde a expulsão dos jesuítas pelo Marquês de Pombal, no século 18, nós nunca recuperamos o déficit de professores. Segundo, faltam no Brasil de hoje, milhares de professores com formação plena, embora este quadro seja o resultado de descasos havidos em várias décadas.

Leia mais
30/11/2016

O Plano Nacional de Educação (PNE) sinaliza para sete horas na escola com mais uma hora para refeição. Este ensino integral acaba por afirmar que o jovem não pode ser disputado pela rua ou pelo emprego. Observando-se do ponto de vista da escola pública, a reforma pretende oferecer aos menos favorecidos um tempo integral, sempre usado pelas elites. No contra turno os jovens oriundos das elites fazem inúmeros cursos em várias instituições.

Leia mais
23/11/2016

Escrever sobre a reforma do ensino médio brasileiro, proposta através de medida provisória, o que representa urgência de um lado e transferência do debate para o Congresso Nacional, de outro é uma tarefa difícil, sobretudo porque estamos vivendo um momento de instabilidade política e os debates tornam-se, em consequência, momentos para explosão de paixões, trazendo à mesa uma deficiência natural de equilíbrio, necessário a qualquer debate.

Leia mais