Papai Noel dos Correios: últimos dias para atender as crianças de Friburgo

Campanha surgiu pela iniciativa de funcionários da estatal que, ao receberem cartinhas com pedidos de presentes, resolveram realizar o sonho da garotada
segunda-feira, 13 de dezembro de 2021
por Jornal A Voz da Serra
Papai Noel dos Correios: últimos dias para atender as crianças de Friburgo

A campanha Papai Noel dos Correios está na reta final.  Quem quiser realizar o sonhos dessas crianças tem até a próxima sexta-feira, 17, para padrinhar uma cartinha e entregar o pedido nas agências dos Correios da Praça Getúlio Vargas, 85, ou do distrito de Mury, na Avenida Hamburgo, 730. Os cadastros e adoções das cartinhas devem ser feitos pelo site: https://blognoel.correios.com.br/adocao/

Tablets, patinetes, bicicletas, brinquedos musicais e celulares estão entre os principais pedidos feitos este ano por diversas crianças de Nova Friburgo. 

https://blognoel.correios.com.br/adocao/

A campanha contempla cartas enviadas por crianças de até 10 anos de idade, de alunos da rede pública de ensino escolhidas pelas secretarias de Educação estadual ou municipal, que estão na Educação Infantil (creches) e Pré-escola e no Ensino Fundamental até o 5º ano. Não há limites de idade de pedidos de pessoas com deficiência (PcD).

Alguns pedidos

Bruno, de 10 anos, por exemplo, pediu ao Papai Noel uma bicicleta. “Aprendi a andar sem rodinha recentemente, mas a minha bicicleta ficou muito pequena para mim. Já pedi uma nova para a mamãe e o papai, mas como estou prestes a ter um irmãozinho a mamãe falou que estamos em uma situação complicada (...)”, diz o menino na carta.

Emilly, também de 10 anos, gostaria de ganhar um celular, até mesmo usado, para conseguir estudar melhor. Já o desejo da Cecilia, de 3 anos, é ganhar um vestido das princesas. E o da Lívia, que ama música, é ganhar uma bateria. Esses e muitos outros pedido podem ser conferidos no site da campanha dos Correios. 

Como adotar

Basta acessar o site da campanha  noel.correios.com.br.  Na página, é preciso clicar em “Adoção On-line” e seguir os passos. Será necessário escolher a localidade para visualizar as cartinhas disponíveis em cada município. É importante lembrar que as cartinhas solicitadas serão retiradas do sistema de adoção e deixarão de ficar disponíveis. Se por algum motivo não conseguir realizar o sonho da criança, ela perderá a oportunidade de ter seu sonho realizado por outros padrinhos.

Como enviar uma carta

As cartas devem ser manuscritas e depois fotografadas ou digitalizadas para envio ao blog. É importante enviar uma imagem nítida para que a mensagem possa ser lida e compreendida. As cartas que atenderem aos critérios estabelecidos pela ação são disponibilizadas para adoção no blog da campanha. Não serão selecionadas as cartas que contenham endereço, telefone e/ou foto da criança. A identificação da criança será realizada no momento do cadastro e não será divulgada para os padrinhos, em nenhuma hipótese. 

Mais de 30 anos de história

A campanha nasceu pela iniciativa de alguns empregados dos Correios, que, durante a rotina de trabalho, recebiam cartinhas escritas por crianças destinadas ao Papai Noel, mas sem endereço. Sensibilizados, alguns deles resolveram adotar as cartinhas e enviar os primeiros presentes. Com o passar do tempo, a ação cresceu e se transformou em um projeto corporativo. Além das cartinhas das crianças da sociedade, desde 2010, os alunos de escolas públicas são convidados a também expressarem seus desejos ao Papai Noel.

 

LEIA MAIS

De acordo com Braulio Rezende, enfeites, luzes e eventos culturais nas ruas ajudaram no bom desempenho do setor

As regras válidas para lojas físicas são diferentes do comércio online

Pessoas em situação de rua assistidas pelo município ganharam de presente panetone e apresentação de coral

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: Natal