Operação Lei Seca retorna às ruas de todo o estado a partir desta quinta

Blitzes que foram descontinuadas em março por causa da pandemia agora voltam com protocolos sanitários
quinta-feira, 08 de outubro de 2020
por Adriana Oliveira (aoliveira@avozdaserra.com.br)
Blitz da Lei Seca agora com protocolos sanitários (Divulgação)
Blitz da Lei Seca agora com protocolos sanitários (Divulgação)

A Operação Lei Seca será retomada nesta quinta-feira, 8, a partir das 18h, em todo o Estado do Rio, informou o governo nesta manhã. As blitzes estavam suspensas desde 18 de março, devido à pandemia de Covid-19. Não se sabe quando as ações de fiscalização voltarão a Nova Friburgo.

Para não expor fiscais e motoristas a risco de contaminação, um novo modelo de blitz foi desenvolvido em conjunto com a Secretária estadual de Saúde, utilizando protocolos sanitários. O funcionamento será assim:

1 - Será realizada uma triagem com o uso de "equipamento passivo", sem necessidade de sopro e sem contato com o motorista. Sendo detectada a presença de álcool, será realizada uma segunda triagem e, caso o resultado dê positivo, será realizado então o tradicional teste do bafômetro com o bocal descartável e todos os procedimentos de higiene.

2 - Durante a abordagem, o motorista e o fiscal ficarão separados por uma barreira protetora de plástico transparente.

3 - Serão disponibilizados totens de álcool em gel com acionamento por pedal para os motoristas abordados e para os agentes que atuam na operação. Também serão oferecidas máscaras descartáveis para os motoristas.

4 - A reorganização na estrutura da blitz da Lei Seca leva em consideração um maior distanciamento entre as pessoas.

No fim do verão, Lei Seca Móvel

Em fevereiro deste ano, pouco antes da suspensão das blitzes por conta da pandemia, as operações Lei Seca haviam sido intensificadas com a realização da versão móvel da fiscalização, com equipes volantes e ações "relâmpago". O objetivo era flagrar com mais agilidade motoristas que tentavam fugir das blitzes usando aplicativos de celular.

Desde o início das operações Lei Seca,  em março de 2009, foram realizadas mais 24 mil blitzes de fiscalização em todo o estado, nas quais mais de três milhões de motoristas foram abordados e quase 300 mil, flagrados dirigindo após o consumo de álcool.

A fiscalização em Friburgo

Em Nova Friburgo, somente em dezembro, três meses antes da pandemia, uma  Operação Lei Seca executada no município pelo Detran abordou 119 veículos, recolheu dez carteiras de habilitação e 16 "verdinhos" (certificados de Registro e Licenciamento de Veículos, ou CRLV), emitiu  55 autos de infração e autuou  32 veículos. Aproximadamente um terço dos veículos autuados foram motocicletas, e em 30% delas foram constatadas irregularidades como  a alteração das características de escapamentos, uma reclamação recorrente dos friburguenses.

Neste mês de outubro, a  Prefeitura de Nova Friburgo também apertou o cerco contra motos irregulares, reiniciando blitzes de fiscalização com a participação de agentes da Secretaria Municipal de Ordem e Mobilidade Urbana (Smomu), Guarda Civil Municipal (GCM) e do 11º BPM, como aconteceu no último dia 1º na Avenida Euterpe.

 

LEIA MAIS

Em Friburgo serão oferecidos os serviços de habilitação e emissão de identidade

Carreta está estacionada há dois anos na entrada da Rua Mário Bini, no Jardim Ouro Preto

Prejuízo nos cinco primeiros meses deste ano chegou a R$ 153 milhões. Para tentar reduzir esse tipo de crime, entidade aposta no projeto Arco Seguro

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: Trânsito