Lions de Nova Friburgo arrecada 1.200 dólares para ajudar vítimas do Líbano

Ativista humanitária agradeceu ação e relatou “apocalipse” no dia da explosão em Beirute
terça-feira, 15 de setembro de 2020
por Guilherme Alt (guilherme@avozdaserra.com.br)
Gilberto Sader, um dos membros do Lions de Friburgo, ajudou a organizar a ação humanitária (Arquivo pessoal)
Gilberto Sader, um dos membros do Lions de Friburgo, ajudou a organizar a ação humanitária (Arquivo pessoal)

Uma ação do Lions Clube de Nova Friburgo proporcionou esperança ao co-irmão libanês, o Lions Club Kaslik, após a terrível explosão na capital Beirute, em agosto, que matou mais de 100 pessoas e deixou cerca de quatro mil feridos. O Lions friburguense conseguiu arrecadar US$ 1.200 para ajudar as famílias atingidas pela tragédia.

“Foi uma ação pioneira do Lions Clube de Nova Friburgo que teve como objetivo de agilizar nossa ajuda aos afetados no Líbano pela explosão em Beirute e, a incentivar outros clubes internacionais de serviço a seguirem esse caminho”, disse o empresário Gilberto Sader, um dos membros do Lions de Nova Friburgo que ajudou a organizar a ação, junto com o atual presidente, Aristóteles Cruz.

Ao receber a doação de Nova Friburgo, a esposa do presidente do clube no Líbano, a brasileira Regina Fenianos, – o contato para a concretização da ação – enviou uma carta muito emocionada em agradecimento. Segundo Gilberto Sader, Regina é ferrenha ativista em ajuda humanitária no Líbano.

Na carta, ela menciona que a explosão foi um “apocalipse que nunca poderemos esquecer”. A ativista sofreu ferimentos por conta dos estilhaços da explosão daquele dia e desde aquele momento tem batalhado para que as vítimas recebam algum tipo de ajuda.

Os US$ 1.200 arrecadados correspondem a 8.760.000 libras libanesas. O valor foi distribuído para 55 famílias, em dois municípios. Em Medawar, 40 famílias foram beneficiadas (receberam 150 mil libras libanesas), e o município de Rmeil teve 15 famílias beneficiadas (receberam 150 mil libras libanesas).

LEIA MAIS

Nesta quinta, dia mundial, UFF-NF promove roda de conversa; no próximo dia 26 haverá ação de saúde mental no posto do Suspiro

Confira os locais de entrega até a quinta-feira, dia 10

ONG cristã Missão Peixes, responsável pelo projeto, atua no Cordoeira e Alto do Floresta

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra