Ferramentas garantem serviços durante isolamento

Site com informações sobre coronavírus ajudou no combate às fake news
terça-feira, 28 de julho de 2020
por Guilherme Alt (guilherme@avozdaserra.com.br)
(Foto: Reprodução Internet)
(Foto: Reprodução Internet)

Desde o início do isolamento social, há quatro meses, o Programa de Processamento de Dados do Estado do Rio (Proderj) vem trabalhando de forma coordenada com a Secretaria de Estado de Saúde (SES) e o Gabinete de Crise de Enfrentamento do Coronavírus para oferecer ferramentas e serviços que ajudem na prevenção à doença. Segundo o Estado, visando combater a divulgação de fake news, o Estado lançou no dia 16 de março o hotsite (www.coronavirus.rj.gov.br/) com informações sobre o enfrentamento à doença em todo o Rio, além de serviços e orientações sobre prevenção e sintomas. Nele o internauta pode tirar dúvidas sobre a Covid-19 e acessar boletins diários com números da pandemia, além de materiais informativos para profissionais de saúde e campanhas de conscientização, que podem ser baixados e compartilhados nas redes sociais. O hotsite foi desenvolvido pela SES com o apoio técnico do Proderj. 

Em outra ação que contou com a parceria do Proderj, o Governo do Estado lançou, no dia 23 de março, o serviço de central telefônica para atendimento sobre a Covid-19. Pelo número 160, a população pôde tirar dúvidas sobre sintomas e sobre o momento certo de buscar uma unidade de saúde. O serviço, gratuito, funcionou 24 horas por dia, sete dias por semana. O objetivo foi evitar que pacientes sem sinais de contaminação ou sem sintomas graves saíssem de casa, se expondo ao vírus e lotando as unidades de saúde. 

Ainda de acordo com o Governo do Estado, vale destacar a ação conjunta do Gabinete de Crise de Enfrentamento do Coronavírus que possibilitou à SES abrir vagas para candidatura de profissionais de saúde como voluntários na assistência de pacientes com o vírus. Médicos, profissionais e estudantes da área da saúde puderam se inscrever em um site da SES desenvolvido em parceria com o órgão (www.voluntarioscoronavirus.rj.gov.br). Os voluntários reforçaram as equipes das unidades de atendimento em todo o Estado. Mais de 27 mil profissionais se inscreveram. 

Além disso, o Governo do Estado, em uma ação liderada pelo Proderj junto às operadoras de telefonia móvel, disponibilizou, de forma gratuita, o envio de informações via SMS para auxiliar no combate ao coronavírus. Canais oficiais como a central de atendimento 160 foram divulgados através dessa ferramenta, o que permitiu uma comunicação direta com a população fluminense. 

 

LEIA MAIS

Friburgo já tem 7 internados, patamar semelhante ao de um mês atrás, e registra uma nova morte pela doença

Ministro destaca melhora do cenário epidemiológico, ampla cobertura vacinal e capacidade de assistência do SUS

Texto a ser sancionado prevê descontos de 70% em taxas relativas ao setor, um dos mais afetados pela pandemia

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 77 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra