Corrida da Mulher reúne centenas e friburguenses vencem duas das três categorias

Prova reuniu mulheres e homens, num total aproximado de 250 participantes
quinta-feira, 12 de março de 2020
por Vinicius Gastin
Renata Nunes voltou a vencer a prova dos cinco quilômetros entre as mulheres
Renata Nunes voltou a vencer a prova dos cinco quilômetros entre as mulheres

O pedido de respeito e o grito de alerta pela igualdade de direitos para as mulheres transformaram ruas e avenidas de Nova Friburgo em pistas de atletismo, por onde desfilaram todo o talento e a beleza das atletas do município e da região. Mais de 250 pessoas, entre mulheres e homens, participaram da quarta edição da Corrida da Mulher e Admiradores, promovida no último domingo, 8 (Dia Internacional da Mulher), com largada, chegada e premiação na Praça Dermeval Barbosa Moreira. 

“Tivemos essa grande participação, com pessoas de todas as idades, de 13 aos 70 anos. Foi a quarta edição da corrida, que cumpriu novamente a missão de mostrar a importância da participação da mulher no esporte. É um orgulho ver muita gente que começou a correr nessa prova disputando agora o pódio. A terceira colocada dos cinco quilômetros, por exemplo, começou na Corrida da Mulher. São pessoas que começaram e continuaram participando. Fora as outras mulheres que se sentiram vitoriosas por conseguirem completar a primeira prova de cinco quilômetros. O esporte é isso, é você vencer a si mesmo. É o que a prova vem proporcionando, mostrar a mulher que ela pode praticar esporte e vencer, apesar de todas as dificuldades encontradas no dia a dia”, avalia o professor José Augusto, um dos idealizadores e coordenadores da Corrida.

Além da parte de inclusão e superação, também há os atletas que competem em busca do pódio e resultados. Dentre as mulheres, Renata Nunes faturou novamente o título nos cinco quilômetros. Já na prova de dez quilômetros, outra friburguense, Vitória Régia, correu mais rápido que as adversárias e colocou mais um troféu de primeiro lugar da prova em sua prateleira. 

Entre os homens, o título foi conquistado por Roberto, levando assim a primeira colocação para o município de Carmo. Os friburguenses Emerson e Alexandre, o Ligeirinho, ficaram em segundo e terceiro lugares.

“Receber atletas de fora da cidade, de um bom nível, valoriza o evento. O Roberto, de Carmo, é vencedor da Maratona de Goiânia, por exemplo. Ele vem despontando e conseguindo bons resultados, vencendo os dez quilômetros da Corrida da Mulher pela segunda vez. Também não deixa de ser um incentivo para que os nossos corredores se espelhem nele e cheguem mais perto. Tivemos a participação do Emerson, segundo colocado, que é friburguense, de Salinas, chegando pela primeira vez nessa colocação em uma prova do circuito”, destaca Augusto.

As participantes tiveram duas opções de percursos, cinco e dez quilômetros, enquanto os homens tiveram que encarar a prova mais longa. As mulheres largaram 15 minutos antes. Os corredores passaram pelas alamedas da Praça Getúlio Vargas, e as optantes pelos cinco quilômetros foram até o trevo de Duas Pedras, retornando pelo eixo rodoviário. 

Quem escolheu os dez quilômetros teve que esticar um pouco mais e correr até a altura do Cefet, na Avenida Roberto Silveira, antes do retorno.

As campeãs no geral na prova de cinco e dez quilômetros, bem como os campeões, receberam troféus no pódio (os cinco primeiros colocados de cada uma dessas categorias). Na divisão por categorias, os três primeiros de cada faixa etária foram condecorados: até 19 anos, 20 a 29 anos, 30 a 39 anos, 40 a 49 anos, 50 a 59 anos, 60 a 69 anos e acima de 70 anos. Todos os atletas que cruzaram a linha de chegada de forma legal cumprindo as determinações deste regulamento, receberam medalhas de finalistas.

A cada pódio montado, um desfile pela passarela, por onde as (os) modelos de Ricardo Cler mostraram as peças personalizadas produzidas pela Associação das Mulheres Mastectomizadas (Amma). 

Foco na Copa Brasil

Logo após a realização da Corrida da Mulher, o atletismo municipal inicia a preparação para receber a Copa Brasil 100k, novidade para 2020. A prova vai ser realizada no município no dia 25 de abril, em circuito plano, avaliado por um medidor credenciado pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAT), valendo incluive classificação para o mundial de 100km, na Holanda, em setembro deste ano.

A prova principal será na distância de 100 quilômetros, mas aqueles que desejarem, após concluírem o percurso, podem continuar correndo para atingir uma marca oficial também nas 12 horas. Quem não chegar a 100 quilômetros é ranqueado na classificação geral das 12 horas, de acordo com a distância percorrida. O mesmo vai acontecer para aqueles que se inscreverem para o percurso de 50 quilômetros, que poderão continuar até completar seis horas de prova. 

No dia seguinte, 26, também estão previstas provas de cinco e dez quilômetros, contemplando assim todos os níveis de atletas do município e da região.

“Encerramos a Corrida da Mulher e já voltamos todas as nossas atenções para a Copa Brasil 100k, nos dias 24 e 25 de abril. É um evento que vai ser seletivo para o Mundial, a ser realizado na Holanda, em setembro. São provas de 100 e 50 quilômetros, mas também não queremos deixar os demais atletas de fora. Logo que terminar os 100 quilômetros, às 9h, vamos ter provas de cinco e dez quilômetros. É um evento que cabe todo mundo”, destaca Augusto.

As inscrições para a prova podem ser realizadas até 15 de abril através do site www.ativo.com ou na loja Prodesporte, na Rua Almirante Barroso, no Centro. Quem desejar participar dessa competição ou mesmo iniciar no universo da corrida pode procurar a Associação dos Corredores Friburguenses, a Ascof.

“Na Ascof cabem todos. Quem quer começar a praticar esporte, mesmo aqueles que não conseguem nem completar uma volta de caminhada na avenida, podem nos procurar. Nós vamos montar um treinamento adequado ao nível técnico da pessoa, e no ano que vem, poderá inclusive estar participando das competições”, completou Augusto. 

 

LEIA MAIS

Prova este ano será virtual e participantes terão que completar percurso, registrado por aplicativo, de casa, até 30 de abril

Calendário todo alterado e opções de provas on-line: o “novo normal” para os atletas

Sem possibilidade de ser realizada presencialmente, corrida este ano terá como opção prova online

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: corrida