Voo livre em Friburgo pode receber alguns incentivos em breve

Secretaria Municipal de Esportes e Lazer realizou uma reunião para tratar da estruturação e fortalecimento da prática
terça-feira, 26 de outubro de 2021
por Vinicius Gastin
Belezas naturais e espaços em Nova Friburgo potencializam a prática do Voo Livre (Divulgação)
Belezas naturais e espaços em Nova Friburgo potencializam a prática do Voo Livre (Divulgação)

Tradicional em Nova Friburgo, o voo livre pode receber alguns incentivos em breve. Na semana passada, a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer realizou uma reunião para tratar da estruturação e fortalecimento da prática de voo livre no município.

O encontro contou com a participação do secretário municipal de Esportes e Lazer, João Victor Duarte, do coordenador da pasta, Thayan Carestiato, dos pilotos de voo livre, Flávio Dias e Pedro Martins, e de Dayviane Garcia, representando a deputada estadual Adriana Balthazar e o deputado federal Paulo Ganime.

A modalidade é considerada um esporte radical aéreo que utiliza das condições naturais para alçar voos, utilizando equipamentos como parapentes e asas deltas. As condições geográficas de Nova Friburgo, como relevo, temperatura e vento favorecem a prática deste esporte por profissionais e amadores, sendo uma atividade voltada, inclusive, para o turismo. O objetivo é estimular a economia e potencializar mais um esporte no município, tendo como referência projetos de sucesso desenvolvidos em outras municípios fluminenses.

Nova Friburgo conta com alguns espaços específicos para a prática do voo livre. Em 2017, por exemplo, foi inaugurada uma pista de pouso para praticantes que saltam da rampa da Pedra da Catarina, com dois mil metros quadrados. Nova Friburgo conta com dezenas de pilotos, distribuídos por alguns grupos e clubes. O estímulo à atividade traz melhorias para o ecoturismo do município, que já possui excelente infraestrutura hoteleira e gastronômica.

Outro lugar famoso na região é o Mirante Voo Livre parapente, localizado na rodovia RJ-148, no trecho entre Nova Friburgo e Sumidouro. O espaço, muito utilizado por praticantes e turistas, fica a 19 quilômetros do centro de Friburgo.

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 77 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: