Saque emergencial do FGTS não foi liberado? Saiba o que fazer para receber

Motivo é o cadastro incompleto, o que levou a Caixa a suspender depósitos nas contas-poupança digitais
quarta-feira, 09 de setembro de 2020
por Jornal A Voz da Serra
Saque emergencial do FGTS não foi liberado? Saiba o que fazer para receber

Alguns dos trabalhadores que contavam com o recebimento dos R$ 1.045 da conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) têm reclamado que o dinheiro extra ainda não caiu na conta. O motivo é o cadastro incompleto, o que levou a Caixa Econômica Federal a suspender os depósitos nas contas-poupança digitais.

O banco, no entanto, não informou o total de pessoas nessa situação. Apenas esclareceu que não conseguiu abrir as contas poupança digitais por falta de informações como endereço, nome da mãe, data de nascimento, número do RG (registro geral) e data de emissão do RG. Somente com os dados atualizados, o dinheiro poderá ser transferido.

Inicialmente, a Caixa não tinha avisado aos trabalhadores sobre as inconsistências no cadastro. Apenas informou que a abertura das contas poupança digitais seria automática. Agora, o banco orienta os trabalhadores a consultar a situação do saque emergencial no aplicativo FGTS, disponível para smartphones e tablets dos sistemas Android e iOS. Lá, será possível verificar a situação do cadastro e atualizar os dados.

Saque emergencial

O procedimento pode ser feito a qualquer momento, independentemente da data prevista para o depósito dos R$ 1.045 na conta poupança digital. Basta o usuário, ao abrir o aplicativo, clicar no botão “saque emergencial”, preencher os dados e autorizar a abertura da conta digital em seu nome.

Para quem ainda está longe de receber o depósito, a atualização dos dados resolve os problemas. Basta esperar o dia do recebimento. Para quem deveria ter o dinheiro depositado nas últimas semanas, a Caixa promete que o crédito será reprogramado. Para tanto, é preciso que o trabalhador acompanhe o aplicativo para saber a data do pagamento. Até agora, receberam os R$ 1.045 do FGTS trabalhadores nascidos de janeiro a abril.

Outros recursos

Outros meios de verificar a situação do saque emergencial do FGTS são o site www.caixa.gov.br/beneficios-trabalhador/fgts e o telefone 111. A atualização dos dados, no entanto, só está disponível no aplicativo. 

Nesta primeira etapa, os trabalhadores podem movimentar o crédito do FGTS apenas por meio do aplicativo Caixa Tem, que permite o pagamento de boletos, compras com cartão de débito virtual e compras com código QR code em estabelecimentos parceiros. Os saques e as transferências seguirão um cronograma de acordo com o mês de nascimento do trabalhador, que se estenderá até 14 de novembro. (Kleber Sampaio - Agência Brasil)

LEIA MAIS

País é o segundo no mundo com mais mortes pela doença, atrás apenas dos EUA, que já tiveram mais de 218 mil vidas perdidas

Setor de estética foi um dos mais impactados com o isolamento social imposto pela pandemia de coronavírus

As quatro escolas de samba já teriam entrado em consenso para não ter desfile na Alberto Braune

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: coronavírus