Governador promove fórum com 15 prefeituras serranas

No encontro, foi anunciado o programa de apoio de gestão financeira aos municípios
quarta-feira, 13 de janeiro de 2021
por Jornal A Voz da Serra
Os prefeitos reunidos com Claudio Castro (ao centro)
Os prefeitos reunidos com Claudio Castro (ao centro)

O governador em exercício Cláudio Castro realizou, na última segunda-feira, 11, em Teresópolis, durante sua estada na região para participar de eventos que lembraram os dez anos da tragédia das chuvas, um fórum com 15 prefeitos e secretários municipais. No fórum foram discutidas as principais demandas das prefeituras em diversas áreas para garantir o desenvolvimento social e econômico da região.

Na ocasião, Castro ressaltou a importância de trabalhar em parceria para suprir as necessidades da população. “Esse diálogo com os prefeitos, as lideranças, e a população, é o caminho para construirmos cidadania e entregar aquilo que as pessoas realmente precisam. Diversas obras já começaram e outras já estão licitadas para a Região Serrana”, enfatizou o governador ao anunciar, junto com o secretário estadual de Fazenda, Guilherme Mercês, o apoio à gestão financeira dos municípios serranos. 

“Vamos planejar o futuro do Estado com o novo plano de recuperação fiscal que vai oferecer às prefeituras um programa de apoio de gestão, fornecendo os indicadores, as previsões necessárias para que os gestores possam se programar financeiramente e, com isso, garantir os serviços públicos à população”, observou o secretário.

Além do encontro com os prefeitos, o governador em exercício e os secretários também se reuniram com empresários da Região Serrana para discutir como o Estado pode melhorar o ambiente de negócios para que o Rio e os municípios da Serra voltem a crescer e gerar empregos. No fórum, os prefeitos tiveram ainda a oportunidade de discutir a necessidade de investimentos em seus municípios diretamente com as secretarias estaduais.  

Reuniões por secretarias 

Ambiente e Sustentabilidade - A pasta apresentou suas principais ações executadas em parceria com o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) nos últimos dez anos, além das obras e intervenções em andamento e planejadas. Destacou o Programa Limpa Rio, uma ação preventiva para limpar e desassorear rios e evitar enchentes. 

Infraestrutura e Obras - A expectativa é atender as famílias atingidas pelo desastre climático e que ainda dependem do aluguel social. O investimento de R$ 135 milhões em contenções de encostas encerram a lista das obras apontadas pelos municípios como de risco alto e altíssimo em 2011.

Trabalho e Renda - Discutiu futuras parcerias com as prefeituras, como a implementação do projeto Casa do Trabalhador, que teve a primeira unidade, na Região Serrana, inaugurada no último domingo, 10, em Nova Friburgo. Esse espaço de apoio ao trabalhador visa à sua inserção, reinserção e manutenção no mercado de trabalho por meio do alinhamento entre a qualificação profissional e as demandas locais, encaminhando quem busca um novo emprego para a qualificação profissional.

Defesa Civil - Apresentou iniciativas como: o sistema de alerta e alarme; a primeira Escola de Defesa Civil do Brasil (Esdec); a Rede Salvar de voluntários; o sistema de envio de alertas via celular; e o Cemaden-RJ, órgão que monitora as condições climáticas do Estado. Também foram mostrados os mapas de suscetibilidades de riscos, além da importância da realização de simulados de desocupação em comunidades.

Agricultura, Pecuária e Abastecimento - O debate sobre a agricultura serviu para estabelecer as vocações da região, discutir sobre os projetos prioritários e traçar uma estratégia para atingir o superávit no número de empregos no Agronegócio fluminense.

Turismo - Durante o encontro, foram apresentadas as ações para a retomada do setor, sobretudo no interior. Os representantes das prefeituras falaram sobre como a secretaria poderia apoiar no fomento e promoção do turismo em suas regiões. Foi reforçada a importância da integração entre o Estado e os municípios e de maior participação dos prestadores de serviços das regiões nas plataformas ‘Rio, o seu melhor presente’ e ‘Turismo Consciente’.

Saúde - A pasta informou que o Estado vai seguir o Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde e anunciou que, na próxima semana, será dado início a distribuição de seringas para os municípios. Foi apresentado o novo Painel Covid com consolidação de dados da doença em todo o estado. Também foi abordado o cofinanciamento de leitos para a Região Serrana.

Ciência, Tecnologia e Inovação -  O objetivo é apresentar cursos de capacitação e formação de acordo com a necessidade de cada região.

Cidades - Anunciou que o Departamento de Estradas e Rodagens (DER) vai revitalizar cerca de 1.100 quilômetros de estradas estaduais e haverá parcerias com as prefeituras para a revitalização nas estradas. Há a expectativa de entrega, até julho, de cinco mil títulos de propriedades a famílias na Região Serrana.

Esporte, Lazer e Juventude - Foi anunciada a criação de um fórum estadual do esporte envolvendo secretários municipais para buscar a democratização da Lei de Incentivo ao Esporte..

Desenvolvimento Econômico, Energia e Relações Internacionais - Os programas, iniciativas e canais de diálogo foram divulgados e disponibilizados.

Educação - Foram alinhadas estratégias para viabilizar o ano letivo com o incremento de até 70% nas verbas de manutenção e merenda dos 14 municípios da região, totalizando R$ 14,6 milhões. A adaptação das unidades escolares aos protocolos sanitários dentro de um modelo híbrido de ensino (remoto e presencial) faz parte do pacote de ações.

 

LEIA MAIS

Medida visa a garantir acesso de pacientes infectados de forma democrática, transparente e integral

COE será presidido pelo prefeito Johnny Maycon e coordenado pela secretária de Saúde Nicole Lessa Cipriano

Péssimo estado de conservação e a altura do mato evidenciam que o espaço não é cuidado há muito tempo

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: Governo