UFC de 10 de outubro com Marlon Moraes e Edson Barboza

Amigos pessoais desde a infância, lutadores friburguenses devem dividir o mesmo octógono
quinta-feira, 13 de agosto de 2020
por Vinicius Gastin
Marlon Moraes x Cory Sandhagen deve ser a luta principal do evento daqui a dois meses
Marlon Moraes x Cory Sandhagen deve ser a luta principal do evento daqui a dois meses

Nova Friburgo deve vibrar e torcer em dose dupla na mesma noite, em um evento de UFC que promete entrar para a história do esporte municipal. Dois dos principais atletas de alto rendimento da história da cidade, Marlon Moraes e Edson Barboza devem dividir o mesmo octógono no dia 10 de outubro, segundo os planos da organização. Enquanto “The Magic” tentará subir mais um degrau na busca pelo cinturão do peso-galo, Barboza buscará a primeira vitória na nova categoria, peso-pena.

Recuperado da Covid-19, Marlon Moraes deve ser escalado para o card contra o americano Cory Sandhagen Os contratos ainda não foram assinados para o confronto, mas a expectativa é de que, inclusive, essa seja a luta principal. O evento não tem local definido até o momento.

O lutador friburguense, primeiro colocado do ranking peso-galo do Ultimate, venceu cinco de suas últimas seis lutas - sua única derrota no período foi na disputa do cinturão da categoria, contra Henry Cejudo. Em dezembro, Marlon, de 32 anos, venceu o compatriota José Aldo por decisão dividida, em sua última apresentação. Marlon tinha luta marcada contra o russo Petr Yan para julho, no Cazaquistão. Contudo, o evento foi cancelado por causa da pandemia do coronavírus; quando Cejudo abriu mão do título dos galos e anunciou sua aposentadoria do MMA, Yan foi escalado para enfrentar Aldo em Abu Dhabi pelo título e venceu.

O americano Cory Sandhagen, 28 anos, é o quarto colocado do ranking peso-galo. Ele estava cotado para ser o próximo desafiante ao cinturão na categoria, mas foi derrotado pelo jamaicano Aljamain Sterling em junho, sua primeira derrota no UFC. Na carreira, Sandhagen tem 12 vitórias e duas derrotas. Embora o desafio seja importante no caminho de Moraes rumo ao título, o adversário não era o preferido do lutador. Em entrevista recente, “The Magic” elegeu Dominick Cruz como o rival favorito.

“Na minha opinião, ele é um dos melhores de todos os tempos. O momento é perfeito. Ele acabou de disputar o título, perdeu, mas Dominick é uma lenda. Todo mundo quer lutar com ele. Eu pensei que talvez eles o fizessem lutar com Aldo, mas ele não tem oponente e diz que não quer se aposentar. Por que não lutar com ele?” Eu sou o número um do ranking, se eu vou arriscar, por que não arriscar contra um cara como ele? Espero que ele aceite a luta. Se ele não aceitar, eu lutarei contra qualquer um, mas espero que ele aceite. É uma grande luta e poderia colocar um de nós em uma posição muito boa”, acredita Marlon.

Atualmente, Cruz ocupa a posição de número 11 no ranking dos galos, atrás do próximo adversário. “Eu não dou a mínima para as classificações. Esse é o Dominick Cruz. Eu quero lutar com ele. Faz muito sentido. Coloque-nos juntos e será uma grande luta. Estou dizendo a vocês que vou lá para finalizar meu próximo oponente. Acho que tenho todas as armas para vencê-lo. Ele é uma luta muito boa para mim. Quero finalizar Dominick Cruz e mostrar quem é o melhor peso-galo do mundo”, disse na mesma entrevista.

Quanto ao desafio de Edson Barboza, o Ultimate chegou a um acordo com o friburguense e Jeremy Stephens para que eles se enfrentem no dia 10 de outubro. A organização planejava marcar a luta para o evento da semana anterior, e a equipe do brasileiro havia aceitado, mas a do americano preferiu ter mais uma semana de preparação. Os contratos para o combate ainda não foram assinados e também não há local definido.

Aos 34 anos, Edson Barboza, perdeu suas últimas três lutas, mas duas delas em polêmicas decisões dos juízes. Em sua apresentação mais recente, em maio, fez sua estreia no peso-pena após fazer sua carreira inteira no peso-leve (até 70,3 quilos), e apesar de ter sido apontado vencedor pela ampla maioria da imprensa e dos fãs, saiu derrotado por Dan Ige em decisão dividida dos juízes.

“Tenho feito meu trabalho que é ir lá e lutar, e nas últimas duas vezes, se ouvir todos os especialistas, eu venci. Então é melhor não deixar nas mãos deles, mas quando não dá, como nas últimas duas lutas, eu ganhei. Tem que colocar pessoas mais qualificadas para julgar essas lutas. Vocês sabem quem faz o ranking do UFC? Tenho certeza que não são especialistas. Eles não escutam os fãs ou o público. Eu não ligava para isso, mas agora tenho certeza que o ranking é uma piada”, disse o friburguense em publicações e entrevistas recentes, em tom crítico aos últimos resultados.

Jeremy Stephens, 34 anos, também não vive bom momento na organização. Ele acumula quatro derrotas consecutivas, a mais recente em maio. Seu cartel é de 28 vitórias, 18 derrotas e um "No Contest" (luta sem resultado).

Card até o momento

10 de outubro, em local a ser anunciado

Peso-galo: Marlon Moraes x Cory Sandhagen

Peso-pena: Jeremy Stephens x Edson Barboza

Peso-pesado: Ben Rothwell x Marcin Tybura

Peso-médio: Markus Maluko x Rodolfo Vieira

 

LEIA MAIS

Lutadores comentam vitória e derrota em noite histórica em Abu-Dhabi

Edson Barboza foi o único dos cinco lutadores brasileiros a vencer; já Marlon Moraes acabou derrotado por nocaute técnico

Os duelos aconteceram neste sábado, 10, na 'Ilha da Luta', em Abu Dhabi (EAU), durante o evento Moraes x Sandhagen

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 75 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: UFC