Representantes do Rio no Brasileirão

Boavista, Madureira e Bangu disputam a Série D em 2021
sábado, 03 de abril de 2021
por Jornal A Voz da Serra
Série D nacional terá três equipes do Rio de Janeiro em busca do acesso; Volta Redonda já está na Série C
Série D nacional terá três equipes do Rio de Janeiro em busca do acesso; Volta Redonda já está na Série C

Além de voltar a jogar a Fase Principal do Campeonato Carioca em breve, o Friburguense também almeja, num futuro próximo, ser novamente rankeado junto à CBF e novamente participar das competições nacionais. Ter um calendário completo de jogos para a temporada faz toda a diferença, e ele pode ser conquistado através de uma vaga na Série D do Brasileirão. Para tanto, o Tricolor da Serra precisa vencer a Copa Rio ou fazer boa campanha em seu retorno à elite.

Em 2021, Boavista, Madureira e Bangu - os três melhores do Carioca de 2020 sem divisão nacional - serão os representantes do Rio de Janeiro na competição (lembrando que não houve a disputa da Copa Rio). A Diretoria de Competições da CBF divulgou a tabela do Brasileiro Série D, que terá 68 participantes, disputando as quatro vagas que dão acesso à Série C em 2022. A competição está marcada para começar no dia 26 de maio (quarta-feira) com as partidas de ida da Fase Preliminar.

Na primeira fase serão 64 clubes são divididos em oito grupos com oito cada. Após turno e returno, totalizando 14 jogos, os quatro melhores classificados em cada grupo avançam para o mata-mata, que será realizado em ida e volta até a final, marcada para os dias 7 e 14 de novembro.

Dos representantes do Estado, apenas o Bangu participou da quarta divisão nacional no ano passado, sendo eliminado logo na primeira fase. O Verdão de Saquarema esteve presente pela última vez em 2019 e o Tricolor Suburbano não disputa a competição desde 2018. Será a primeira vez na história que o trio participará junto do Brasileirão da Série D.

 

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: