Novo decreto altera regras e flexibiliza ainda mais atividades econômicas em Friburgo

Bares, restaurantes e casas de festas poderão funcionar até meia-noite a partir de segunda
sábado, 11 de setembro de 2021
por Jornal A Voz da Serra
Movimento nas ruas da cidade em plena pandemia (Foto: Henrique Pinheiro)
Movimento nas ruas da cidade em plena pandemia (Foto: Henrique Pinheiro)

Por meio do decreto municipal 1.093/2021, publicado no Diário Oficial do Município nesta sexta-feira, 10, a Prefeitura de Nova Friburgo alterou mais uma vez as regras para o funcionamento das atividades econômicas na cidade. A partir desta segunda, 13,  a capacidade máxima das indústrias sobe para 80%. Padarias e supermercados poderão, excepcionalmente, operar até as 23h por seu caráter essencial.

Restaurantes, bares e lanchonetes poderão funcionar por uma hora a mais, até a meia-noite, com capacidade até 50%. Casas de festas e salões sociais poderão  funcionar até a meia-noite para eventos sociais como casamentos, eventos corporativos e/ ou acadêmicos, limitados a 60% da capacidade máxima. 

Ônibus, vans e veículos de transporte coletivo turístico têm o limite máximo diário aumentado para 25, mantendo a obrigação do prévio cadastro realizado junto a Secretaria Municipal de Turismo. 

Academias, estúdios, centros de atividades físicas ou esportivas e atividades de “personal trainer” poderão funcionar com até 70% da capacidade. As modalidades de luta e de dança são recomendadas de forma individual,  com higienização dos equipamentos esportivos. Templos religiosos também têm a capacidade aumentada para 70%.

Clubes sociais e recreativos, incluindo dependências como parques aquáticos, piscinas, saunase salões de jogos, podem funcionar com 70% da capacidade, das 6h à meia-noite. 

Continuam proibidos eventos com aglomeração de público, boates, shows e pistas de dança.

O decreto completo pode ser acessado no Diário Oficial Eletrônico do Município, no site da prefeitura: www.novafriburgo.rj.gov.br.

 

LEIA MAIS

Constatação é da Fecomércio e refere-se ao último trimestre do ano

Retorno acontece, por enquanto, apenas para esses cursos devido à necessidade de mão de obra qualificada no setor de confecção

Data limite para não entrar na dívida ativa acabaria nesta terça, mas foi prorrogado por mais um mês

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra