Nove são presos com mais de 2kg de drogas no Loteamento dos Maias

Fato ocorreu após denúncias anônimas de que bandidos do Morro do Turano, na Tijuca, estariam gerenciando o tráfico na localidade
quarta-feira, 30 de setembro de 2020
por Jornal A Voz da Serra
O material apreendido (Foto: 11 BPM)
O material apreendido (Foto: 11 BPM)

A seção de comunicação do 11º Batalhão de Polícia Militar (BPM) só divulgou nesta quarta-feira, 30, uma grande apreensão de drogas realizada pelo serviço reservado (P2) na última quinta-feira, 17, no na Rua José Paulo Souza Maia, no Loteamento dos Maias, no distrito de Conselheiro Paulino. Na ação, nove pessoas foram presas – sendo seis homens e três mulheres – acusadas de tráfico de drogas.  

Com o grupo, com idades entre 18 e 37 anos, foram apreendidos 1.238 papelotes de cocaína (totalizando 1,8Kg da droga), 381 pequenos tabletes de maconha (totalizando 593g da erva) e cinco celulares. Segundo a PM, o fato ocorreu após os agentes receberem denúncias anônimas de que traficantes oriundos do Morro do Turano, na Tijuca, no Rio de Janeiro, estariam gerenciando o tráfico da localidade.

Chegando ao local, os PMs ficaram observando a ação dos suspeitos de um ponto estratégico. Após um cerco, os agentes realizaram a abordagem aos acusados, que estavam de posse de 297 papelotes de cocaína e indicaram o local onde estava enterrado um tonel com o restante dos entorpecentes. A ocorrência foi apresentada na 151ª DP onde todo material ficou apreendido e os acusados autuados por tráfico de drogas, permanecendo presos.

 

LEIA MAIS

Além da apreensão de cargas de entorpecentes, também foi preso um suspeito de tentar matar o próprio filho

Agentes do 11º BPM encontraram plantação e estufa com 60 pés, além de farta quantidade da erva seca, pronta para venda

Com o acusado, policiais do 11º BPM encontraram quase um quilo de cocaína

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: tráfico