No clima da maior festa popular do planeta

E no ritmo de alegria e da batida dos nossos corações foliões
sábado, 22 de fevereiro de 2020
por Ana Borges (ana.borges@avozdaserra.com.br)
No clima da maior festa popular do planeta

“De uma barrica se fez uma cuíca / De outra barrica um surdo de marcação / Com reco-reco, pandeiro e tamborim / E lindas baianas / O samba ficou assim…. / Bum bum paticumbum prugurundum / O nosso samba minha gente é isso aí / Bum bum paticumbum prugurundum / Contagiando a Marquês de Sapucaí! 

Foi com esse “prugurundum”, um dos mais belos sambas-enredo de todos os tempos, que a Império Serrano, do Rio, foi campeã em 1982. E todo o ano, quando chega o carnaval, não há quem não se lembre daquele desfile memorável, entre tantos outros, explodindo corações, lá no Rio e aqui também, em Friburgo, com a Imperatriz de Olaria, a campeã naquele mesmo ano com o samba-enredo “O poder da cura na ciência da vida”, na nossa Sapucaí / Avenida Alberto Braune.   

Essas lembranças são um aperitivo para entrar no clima da maior festa popular do planeta. Por aqui, como em todo o Brasil, a bateria dita o ritmo da alegria e da batida dos nossos corações foliões: durante cinco dias, quem quer saber dos perrengues da vida? É tempo de viver como se não houvesse amanhã, se divertir e ser feliz.   

Blocos de rua formados por amigos e familiares se espalham pela cidade, entregues à diversão, aos encontros, desencontros, na mais perfeita tradução do que há de melhor no carnaval: a espontaneidade. Esse é o espírito. A criatividade das fantasias, dos adereços, acessórios, maquiagem, também pode ser conferida nas brincadeiras e nas letras das marchinhas de ocasião, satirizando políticos, celebridades e personagens da hora.  

Marchinhas antigas também não faltam e algumas são adaptadas para situações do cotidiano e suas mazelas. Nada escapa do olhar crítico do brasileiro, do seu senso de humor, da capacidade de fazer troça com tudo, principalmente com as autoridades de plantão. 

Bom carnaval para todos e atenção: Se beber, não dirija!

 

LEIA MAIS

Capital aguarda evolução da nova variante; Bom Jardim já cancelou a festa

Mesmo Alunos do Samba, que sofreu com incêndio, deverá participar

"Perdemos mais de 14 alas ensacadas, carro alegórico, material de acabamento e decoração", contabiliza a direção da escola

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: carnaval | folia | festa