Ex-prefeito de Carmo preso por enterrar R$ 130 mil oriundos de propinas

Operação Chorume foi deflagrada na última quinta, tendo como alvo políticos e empresas prestadoras de serviços de coleta de lixo
terça-feira, 30 de março de 2021
por Jornal A Voz da Serra
O município de Carmo (Reprodução da web)
O município de Carmo (Reprodução da web)

Ex-prefeito do município de Carmo, Paulo César Ladeira foi preso em flagrante por policiais civis da 112ª DP (Carmo) nesta segunda-feira, 29. No sítio do político foram encontrados cerca de R$ 130 mil enterrados em tubos de PVC. Ele foi autuado por lavagem  e ocultação de dinheiro. A ação, em conjunto com as promotorias de Carmo e de Sumidouro, é um desdobramento da Operação Chorume. Paulo César foi prefeito da cidade de 2013 a 2020. 

Segundo o jornal O Dia, em  depoimento na delegacia o político admitiu aos agentes, ainda que parcialmente, ter recebido propina da empresa responsável pela coleta de lixo no município. Segundo ele, como não tinha como justificar os valores recebidos, decidiu enterrar o dinheiro em seu sítio, na zona rural de Carmo. As informações são, segundo O Dia, da assessoria de imprensa da Polícia Civil.

Alertado da necessidade de ressarcir os cofres do município, o ex-prefeito levou a equipe da 112ª DP até onde estava o dinheiro. Os agentes localizaram os pacotes, que foram enterrados em tubos de PVC. Após contagem, foi apurado pelos policiais que havia cerca de R$ 130 mil, em espécie.

A Operação Chorume foi deflagrada na última quinta-feira, 25, tendo como alvo políticos e empresas prestadoras de serviços de coleta de lixo envolvidas em um esquema de corrupção. Três pessoas foram presas, sendo uma vereadora e o ex-secretário de Meio Ambiente de Carmo, além de um empresário.

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: