Este domingo é dia nacional do combate ao fumo

Pandemia tornou o tabagismo ainda pior: fator de risco para o aumento de contaminação e agravamento de sintomas
sexta-feira, 27 de agosto de 2021
por Jornal A Voz da Serra
Este domingo é dia nacional do combate ao fumo

Parar de fumar pode ser desafiador, especialmente com o estresse social e econômico adicional que surgiu como resultado da pandemia. Em todo o mundo, cerca de 780 milhões de pessoas dizem querer parar de fumar, mas apenas 30% delas têm acesso às ferramentas que podem ajudá-las nessa decisão. Juntamente com seus parceiros, a Organização Mundial da Saúde (OMS) fornecerá às pessoas informações atualizadas, ferramentas e recursos de que precisam para fazer uma tentativa bem-sucedida.”’  

O Dia Nacional de Combate ao Fumo, celebrado neste domingo, 29, tem como objetivo reforçar as ações nacionais de sensibilização e mobilização da população para os danos sociais, políticos, econômicos e ambientais causados pelo tabaco. 

A OMS classifica o tabagismo como a dependência da droga nicotina, presente em qualquer derivado do tabaco, seja cigarro, cigarrilha, charuto, cachimbo, cigarro de palha, fumo de rolo ou narguilé. “Após ser absorvida, a nicotina atinge o cérebro entre sete e 19 segundos, liberando substâncias químicas para a corrente sanguínea que levam a uma sensação de prazer e bem-estar. Essa sensação faz com que os fumantes usem o cigarro várias vezes ao dia. Por sentir prazer, o fumante busca o cigarro em situações de estresse, para ‘relaxar’”.

Nesta data, a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) dará continuidade à campanha “Comprometa-se a parar de fumar”, destacando que ainda enfrentamos a Covid-19 e o tabagismo se mostrou fator de risco para o aumento de contaminação e para o possível agravamento de sintomas da doença em fumantes. Por isso, parar de fumar se torna uma medida de proteção à saúde de todos os cidadãos. 

Os materiais desenvolvidos pelo Ministério da Saúde (MS), em parceria com a OPAS, destacam a importância de protegermos a saúde de crianças, jovens e adolescentes. Eles são alvo de estratégias de venda para que possam se tornar um mercado repositor de novos consumidores, já que o consumo de tabaco mata mais da metade de seus usuários. O MS ressalta que Sistema Único de Saúde (SUS) oferece tratamento gratuito para ajudar qualquer cidadão a parar de fumar. Basta procurar uma unidade próxima à sua residência.

 

LEIA MAIS

Ações têm o objetivo de conscientizar as mulheres em situação de violação de direitos e promover empoderamento e esclarecimentos

Pais que deixaram de colocar a caderneta dos filhos em dia no sábado ainda podem procurar os postos de saúde

Riograndina, Parque Maria Tereza e Conselheiro Paulino serão atendidos

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: saúde