SBT vai transmitir final do Carioca

Primeiro jogo será na FluTV, que bateu recorde de audiência na final da Taça Rio
sábado, 11 de julho de 2020
por Jornal A Voz da Serra
(Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)
(Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)

O SBT está com tudo pronto para transmitir a última partida do Campeonato Carioca de 2020. Alguns detalhes ainda estão sendo acertados e praticamente só falta assinar o contrato. A transmissão será compartilhada com a FlaTV, que irá passar a partida no YouTube. O jogo deste domingo (12) segue fora da TV aberta. Os direitos são do Fluminense, que programou a exibição na FluTV — mesmo canal que mostrou o jogo da última quarta-feira, 8, que culminou com a vitória nos pênaltis do clube das Laranjeiras, conquistando a Taça Rio.

A informação sobre as transmissões foi dada inicialmente pelo jornalista Flávio Ricco e confirmada pelo UOL Esporte com diversas fontes, entre  diretores do SBT e de afiliadas em todo o país. O jogo deverá ser exibido para boa parte da rede, principalmente Rio de Janeiro e afiliadas do Norte e Nordeste, assim como a Globo fazia na transmissão do Estadual até semanas atrás. Essas afiliadas já foram avisadas via comunicação interna. O sinal da transmissão será feito pela PlayRec Produções.

Entenda o caso

Acostumado a conquistar títulos em campo, nos últimos meses a diretoria do Flamengo tem conquistado também polêmicas em seus bastidores, despertando em parte da torcida uma revolta e, na maioria, conivência.

Em uma briga com a rede Globo sobre os direitos de imagens, em que o clube pede um valor muito acima dos demais, o Flamengo não assinou contrato com a emissora para a transmissão dos jogos e, com isso, suas partidas pelo Carioca 2020 não foram exibidos no canal. 

Por conta desse imbróglio, a diretoria do Flamengo - que foi uma das principais frentes para forçar a volta do campeonato mesmo com a explosão de casos de Covid-19 no Estado do Rio de Janeiro - com a conivência da FERJ conseguiu que o governo brasileiro editasse  uma medida provisória dando os direitos de arena das partidas de futebol ao clube mandante. Ou seja, para poder transmitir um jogo, as emissoras não precisam mais de acordo com as duas equipes envolvidas, somente com a que tem o mando da partida. 

Mesmo com aprovação de outros clubes, o despacho  é conhecido como MP do Flamengo no Congresso por beneficiar o Rubro-Negro na questão envolvendo direitos de TV. Não houve objeção de dirigentes em relação à decisão do poder executivo, que permite a negociação individual do mandante sobre a transmissão das partidas. Alguns poucos times se queixaram de não serem ouvidos antes da publicação do texto. O teor da MP, no entanto, não foi contestado. A CBF também se mostra defensora da Medida Provisória.

Derrota no campo e na justiça

O Fla x Flu da final da Taça Rio teve mando de campo do Fluminense, que deteve ENTÃO os direitos de transmissão do jogo pela FluTV. Insatisfeita, a diretoria do Flamengo, tentou transmitir o jogo, mesmo sem o aval do clube das Laranjeiras.  O rubro-negro da Gávea precisou recorrer ao Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) para quebrar o regulamento da MP que o próprio clube ajudou a criar. O TJD concedeu liminar para que o Flamengo também transmitisse a partida. Poucas horas antes da final, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) derrubou a liminar, impedindo a transmissão por parte do Flamengo, que amargou dupla derrota naquela noite, no campo e na justiça.

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 76 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: