Covid entre médicos faz Raul Sertã perder metade dos leitos de UTI para tratar a doença

Friburgo tem hoje total de 12 pacientes intensivos e 43 em enfermarias. Testagem no Suspiro já começa com muitas filas
terça-feira, 25 de janeiro de 2022
por Adriana Oliveira (aoliveira@avozdaserra.com.br)
A fila da testagem no Suspiro nesta terça (Fotos: Henrique Pinheiro)
A fila da testagem no Suspiro nesta terça (Fotos: Henrique Pinheiro)

De sábado para segunda, o Hospital Municipal Raul Sertã perdeu dez leitos de UTI para tratamento de Covid. É o que revelam os últimos boletins divulgados pela Prefeitura de Nova Friburgo, na noite desta segunda-feira, dia 24.

Questionada sobre a redução, a prefeitura informou que o Hospital Municipal Raul Sertã está com a equipe técnica reduzida em função de casos positivos entre profissionais médicos que atuam no CTI Covid-19 da unidade. "Em função disso, temporariamente, o hospital está com dez leitos disponíveis, cumprindo resolução do Conselho Federal de Medicina que estabelece número mínimo de médicos por leito nesta ala. Assim que os médicos afastados retornarem às suas funções, o quantitativo de leitos será restabelecido para os 20 regulares",  informou em nota.

A cidade tem hoje 12 pacientes internados em UTIs-Covid e 43 em leitos de enfermaria-Covid. O total de leitos é de 55  de enfermarias e 21 de UTI, dedicados à doença.

Nas enfermarias da cidade, o Raul Sertã tem todos os seus 23 leitos ocupados; a Unimed, 13 dos 16; o São Lucas, todos os seus quatro leitos ocupados; e o Serrano, três de seus 12. 

Nas UTIs, o Raul tem oito de seus dez leitos ocupados; a Unimed, três de seus cinco; e o Serrano, um de seus dois. O São Lucas tem seus quatro leitos livres.

No total, a cidade soma agora 26.930 casos confirmados de Covid desde o início da pandemia, com 870 óbitos. Há outras duas mortes em investigação. Os casos recuperados somam 20.467, os descartados somam 24.511 e o total de exames realizados, 52.443, com 51,35% resultantes positivos.

Somente nesta segunda-feira foram realizados 724 testes de Covid nos pontos de testagem pelo SUS, a maior parte positivos: 385 confirmaram a doença (53,17%) contra 339 negativos (46,82%).

No último fim de semana, foram feitos 1.358 testes, a maior parte, no entanto, negativos: 689 contra 665.

Suspiro também já com filas

Nesta terça-feira, 25, a Secretaria Municipal de Saúde inaugurou um novo ponto de testagem,  na Praça das Colônias, no Suspiro. O atendimento é das 8h às 17h, com entrega de fichas até as 15h30. Como em outros pontos, havia nesta terça filas enormes (acima).

Além dele, já funcionam os pontos da Via Expressa, a UPA de Conselheiro Paulino e o localizado no distrito de Lumiar. Os dois primeiros têm registrado longas filas todos os dias. O de Lumiar funciona somente às segundas-feiras. 

A Secretaria Municipal de Saúde orienta que somente pessoas com sintomas, na janela de cinco a sete dias após o contágio, podem fazer o teste de detecção do coronavírus pelo Swab nasal. Já as pessoas com mais de oito dias de sintomas devem fazer o teste com amostra sanguínea, disponível apenas na Via Expressa.  

 

LEIA MAIS

Na sexta-feira tem mais uma repescagem para todas as idades, somente na Uerj

Profissionais celebram seu dia nesta quinta. Projeto beneficia também técnicos e auxiliares, além de parteiras

Também continuam as campanhas contra a gripe e o sarampo

Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 77 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: saúde