Entrevista com Claudio Pinto, sócio proprietário da loja Emporio di Bacco

quinta-feira, 30 de junho de 2022
por Jornal A Voz da Serra
Claudio Pinto, da Emporio di Bacco
Claudio Pinto, da Emporio di Bacco

Carioca de nascimento, mas friburguense de coração, Claudio Pinto era adolescente quando veio para Friburgo, e desde 2013 reside em Mury, endereço da primeira loja do Emporio di Bacco, inaugurada em 2016. Ele conta como e quando começou seu interesse por esse setor, e comenta o mercado e o atual momento.

“Trabalho com vinho há mais de 30 anos. Minha paixão por este mercado começou na época em que fui o comprador internacional do Duty Free, e na ocasião tive a oportunidade de trabalhar com o meu mentor e eterno amigo Danio Braga, uma referência internacional em vinhos e gastronomia. Atualmente sou sócio proprietário do Emporio di Bacco, e sommelier chefe dos restaurantes Gustu e Piccolo.

A pandemia foi um momento ruim para o mundo, mas que mostrou também a necessidade de nos reinventarmos. O confinamento privou todos de sair para almoçar ou jantar, e com isso, nossas casas viraram nossos restaurantes. Com isto, o mercado de vinhos também cresceu fortemente, mais de 25%, levando a bebida a ser apreciada por um número maior de pessoas.  

O vinho passou a ser consumido diariamente e não somente no fim do ano e no inverno, como era no passado. A tecnologia ajudou nesta fase, através do ecommerce e do delivery. Isto foi muito forte no primeiro ano da pandemia, e já no segundo, com a flexibilização, as pessoas estavam ansiosas por saírem de suas casas. E assim o ritmo ficou mais lento. Foi neste momento que percebemos que deveríamos mudar o Emporio di Bacco para um ponto mais central da cidade, e com uma loja mais moderna e gostosa de frequentar. 

Atualmente temos mais de 650 rótulos de vinhos, de vários produtores consagrados e também de inovadores, com linhas que atendem desde aos iniciantes até os mais experientes no assunto. Na loja, além de receber um atendimento especializado, o cliente pode consumir o vinho acompanhado de pequenas delícias preparadas com carinho. 

Embora estejamos ainda num momento econômico difícil, vejo de forma positiva o futuro próximo, pois o cliente já está mais maduro e consciente de suas escolhas. O mercado de vinhos também se adaptou à crise, e hoje consegue atender de forma mais eficiente do que antes. Vinhos mais leves e fáceis de beber estão chegando com força, sem falar que agora os brasileiros descobriram também os vinhos brancos e rosés.

Para finalizar gosto de deixar uma dica que aprendi há mais de 30 anos... Quer aprender a tomar vinho? procure sempre fazê-lo acompanhado de boa mesa e boas companhias. Saúde!”

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Apoie o jornalismo de qualidade

Há 77 anos A VOZ DA SERRA se dedica a buscar e entregar a seus leitores informações atualizadas e confiáveis, ajudando a escrever, dia após dia, a história de Nova Friburgo e região. Por sua alta credibilidade, incansável modernização e independência editorial, A VOZ DA SERRA consagrou-se como incontestável fonte de consulta para historiadores e pesquisadores do cotidiano de nossa cidade, tornando-se referência de jornalismo no interior fluminense, um dos veículos mais respeitados da Região Serrana e líder de mercado.

Assinando A VOZ DA SERRA, você não apenas tem acesso a conteúdo de qualidade, mantendo-se bem informado através de nossas páginas, site e mídias sociais, como ajuda a construir e dar continuidade a essa história.

Assine A Voz da Serra

TAGS: