A VOZ DA SERRA ganha da Alerj Moção de Aplausos e Louvor

Homenagem foi proposta pelo deputado estadual de Friburgo Sérgio Louback, em comemoração aos 74 anos do jornal
sábado, 18 de maio de 2019
por Paula Valviesse (paula@avozdaserra.com.br)
A diretora do AVS, Adriana Ventura, recebe a homenagem do deputado Sérgio Louback (Fotos: Henrique Pinheiro)
A diretora do AVS, Adriana Ventura, recebe a homenagem do deputado Sérgio Louback (Fotos: Henrique Pinheiro)

O deputado estadual Sérgio Louback (PSC) esteve nesta sexta-feira, 17, na sede de A VOZ DA SERRA para entregar a Moção de Aplausos e Louvor pelo aniversário de 74 anos de fundação e circulação ininterrupta do jornal, celebrados no último dia 7 de abril. A proposição, aprovada por unanimidade na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), destaca a evolução do periódico, o enfrentamento aos desafios diários para levar a informação ao seu público e também a contribuição ao município ao longo de sua história.

“A VOZ DA SERRA é muito mais do que um jornal, é uma instituição, que vive A história de Nova Friburgo. Sabemos que os jornais de interior lutam com mais força, com mais determinação, porque as dificuldades são maiores. E eu não tenho dúvida disso e do papel importantíssimo da imprensa na sustentação da democracia”, afirmou o deputado.

A moção foi recebida pela diretora, Adriana Ventura, em nome de todos os colaboradores do jornal. Na mensagem, ainda menciona o reconhecimento ao trabalho do pai de Adriana, Laercio Rangel Ventura, falecido em 2013, aos 83 anos, destacando sua atuação ao longo de quatro décadas como “excelente e dignificante”.

“Estamos vivendo um momento muito difícil para a imprensa. Esse reconhecimento que a Alerj nos dá é de muita importância. Em A VOZ DA SERRA fazemos um jornalismo sério e isento. E isso faz o jornal sobreviver, ser lido nas mais diferentes plataformas e respeitado, sempre a favor da democracia”, agradeceu Adriana.

Louback comenta propostas apresentadas para a região

Aproveitando a presença do deputado estadual, A VOZ DA SERRA quis saber um pouco mais sobre as propostas para Nova Friburgo que Sérgio Louback tem buscado o apoio na Alerj. Segundo o parlamentar, desde que assumiu o mandato vem procurando alcançar mais protagonismo para o interior do estado, tendo participado de reuniões com os secretários estaduais, a fim de dar visibilidade para projetos importantes para a região serrana.

“Quero ser reconhecido como o deputado do interior do estado, o deputado estadual de Nova Friburgo e região. Minha intenção é promover a aproximação. Tenho me reunido com prefeitos para fortalecer essa parceria. Estou montando um gabinete itinerante, que circulará pelos bairros de Nova Friburgo e pelos 11 municípios do entorno com objetivo de ouvir, de estar mais perto da população, atuando de maneira propositiva. E também estou buscando apoio das secretarias do governo do estado para que possa atender as demandas do interior”, disse Louback.

Um exemplo da forma encontrada para agilizar essa aproximação é a vinda do governador Wilson Witzel ao município, em breve: “Pretendemos trazer o governador aqui, em junho, para uma agenda de trabalho de pelo menos dois dias, para que realmente o interior possa ser visto de maneira diferente. Em regra o protagonismo do governo do estado é na capital e no Grande Rio, mas pretendo mudar, trazer esse protagonismo também para a nossa região”, explica o deputado, que é do mesmo partido que Witzel, o PSC.

Entre as parcerias com as secretarias estaduais, Louback destaca a Saúde, tendo como pautas a retomada das obras do Hospital do Câncer e a ampliação dos atendimentos pelo SUS em hospitais referências. “Estou atuando de maneira propositiva para a construção do hospital de oncologia, em conjunto com a União. Já tivemos uma grande conquista que foi o aumento do extra-teto do Hospital São Lucas, que é referência em cirurgia cardíaca, com isso ampliamos os atendimentos prestados pelo SUS naquela unidade. Estamos trabalhando em um projeto para que o São Lucas seja o local de atendimento das cirurgias de catarata na região, que atualmente são feitas apenas em Niterói e a fila de espera é grande”, completou o deputado.

A importância do município no abastecimento agrícola também é uma das pautas do parlamentar: “Nova Friburgo, Teresópolis e Sumidouro são um grande celeiro de hortifrutigranjeiros, responsáveis por quase 70% do que chega a Ceasa de Irajá, no Rio. Sobre isso eu realizei reuniões com as associações dos agricultores e tenho buscado auxílio da Secretaria estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento para viabilizar a melhoria das estradas. Só em Nova Friburgo são 800 quilômetros de estradas vicinais e elas estão abandonadas”, ressaltou Louback.

 

Publicidade
TAGS: