Trabalhadores terão até julho para sacar FGTS inativo

Calendário foi divulgado nesta terça-feira; benefício é válido para quem pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 2015
quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017
por Jornal A Voz da Serra
Foto de capa
(Foto: Arquivo AVS)

A partir do próximo mês, os trabalhadores que se adequam às regras de retirada do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço  (FGTS) inativo já poderão sacar o benefício. O calendário foi divulgado nesta última terça-feira, 15, e segue a mesma norma de retirada de valores como o Pis: o mês de aniversário do beneficiário.

De acordo com as informações divulgadas pela Caixa Econômica, os primeiros a ter direito a retirar o valor de contas inativas serão os aniversariantes dos meses de janeiro e fevereiro, em 10 de março. Os próximos serão aqueles que fazem aniversário em março, abril e maio, que poderão sacar a partir de 10 de abril. Quem nasceu entre os meses de junho, julho e agosto terá direito a retirar o dinheiro a partir de 12 de maio. Já quem faz aniversário nos meses de setembro, outubro e novembro poderão acessar a conta a partir de 16 de junho. Quem nasceu em dezembro fecha o calendário, tendo direito ao saque em 14 de julho. O limite para os trabalhadores com conta inativa retirarem o dinheiro é 31 de julho.

De acordo com o governo federal, mais de 30 milhões de trabalhadores terão direito a sacar o dinheiro do FGTS inativo. Vale ressaltar, entretanto, que para fazer a retirada do valor, o trabalhador tem que ter sido demitido por justa causa ou ter pedido demissão da empresa até 31 de dezembro de 2015.

O trabalhador pode consultar o saldo da conta inativa pelo site da Caixa (http://www.caixa.gov.br) ou do próprio FGTS (http://www.fgts.gov.br/) e através de aplicativo para smartphones e tablets (com versão para Android, iOS e Windows). É possível ainda fazer um cadastro para receber informações do FGTS por mensagens no celular ou por e-mail.

Para os clientes da Caixa que têm poupança individual, o dinheiro será depositado automaticamente na conta. Já quem não é cliente, pode pedir a transferência do dinheiro diretamente para outro banco. Para quem vai sacar até R$ 1.500, a retirada pode ser feita diretamente nos postos de autoatendimento da Caixa, com o Cartão do Cidadão. Nas lotéricas é possível sacar até R$ 3 mil, também com o Cartão do Cidadão e a identidade. Já para saques acima de R$ 3 mil, é preciso ir a uma agência da Caixa, apresentando carteira de identidade e carteira de trabalho. O trabalhador pode sacar todo o dinheiro da conta inativa, seja ela uma ou várias.

LEIA MAIS

Saques das contas inativas poderão ser feitos na Caixa do Centro e de Conselheiro das 9h às 15h

Terceira etapa de pagamentos do fundo de garantia começa nesta sexta-feira

Trabalhador prioriza pagamento de dívidas seguida de consumo e lazer

Publicidade
Agora Faz
TAGS: FGTS