Sítio em Conquista era usado como base do tráfico

Arma, drogas e farto material para endolação foram apreendidos em uma casa. Um jovem foi preso
terça-feira, 14 de junho de 2016
por Jornal A Voz da Serra
Foto de capa
Farto material usado para preparar a droga foi encontrado no sítio (Foto: 11º BPM)

Um jovem de 26 anos foi preso na madrugada desta terça-feira, 14, durante uma operação da Polícia Militar em um sítio na estrada Santa Alice, na localidade de Conquista, distrito de Campo do Coelho. De acordo com a PM, uma casa no local era usada por traficantes para preparar e embalar drogas que seriam vendidas em diferentes bairros de Nova Friburgo.

O local, segundo a polícia, seria chefiado por Livaldo José da Silva, o Coroa, que cumpre pena em um presídio no Rio de Janeiro. A Polícia Militar vinha recebendo denúncias de que traficantes usavam a casa no sítio em Conquista há algum tempo. Na madrugada desta terça-feira, 14, policiais militares do serviço reservado (P2), do 11ºBPM, fizeram um cerco ao redor do sítio e prenderam o jovem que estava no local. Segundo a PM, em depoimento, o rapaz confirmou que a casa era usada como base do tráfico. Ele ainda detalhou que recebia R$ 1 mil para cuidar do imóvel e informar os traficantes da movimentação da polícia na região.

Em um quarto da casa os policiais encontraram 888 papelotes de cocaína, 13 tabletes de maconha prensada e também farto material para preparação e endolação da droga, como dosadores, balanças, liquidificadores, peneiras, bacias, luvas, tesouras, grampeadores, elásticos e sacos plásticos.

Os agentes ainda apreenderam dois rádios transmissores, usados para comunicação entre os criminosos, e cadernos com anotações sobre a venda das drogas. Até uma sacola com roupas íntimas foi apreendida na casa. Os policiais militares também encontraram dentro de uma caixa de sapato uma pistola Taurus PT 840, calibre 40 milímetros, com 12 munições intactas, além de carregadores.

De acordo com a PM, o jovem foi levado para a 151ª DP, onde foi constatado que ele já havia sido preso, em outra ocasião, por porte ilegal de arma de fogo em Minas Gerais. Desta vez o rapaz permaneceu preso na delegacia e responderá por tráfico de drogas e também por porte irregular de arma de fogo de uso restrito. Ele será transferido para um presídio na capital. A polícia agora quer encontrar os outros traficantes que atuavam no sítio.

 

LEIA MAIS

Drogas, brigas e furtos foram registrados no Centro, no fim de semana

Três suspeitos de 18, 19 e 22 anos conseguiram fugir

Mulher foi encontrada, por acaso, na Rua Uruguaiana

Publicidade
Agora Faz