Secretaria de Saúde discute estratégia de eventual combate ao sarampo

Profissionais do setor, tanto de unidades públicas quanto privadas, se reúnem para debater ações preventivas
quinta-feira, 12 de julho de 2018
por Jornal A Voz da Serra
Secretaria de Saúde discute estratégia de eventual combate ao sarampo

O combate ao sarampo foi tema de uma reunião no Centro de Saúde Sílvio Henrique Braune, no Suspiro, na manhã desta quinta-feira, 12. A Secretaria Municipal de Saúde, através do setor de Vigilância em Saúde, profissionais da área de saúde das unidades públicas e privadas da cidade discutiu a estratégia para o atendimento de pacientes que venham desenvolver a doença. A reunião foi liderada pela subsecretária Fabíola Braz Penna, diante de um auditório lotado.

A reunião foi motivada pelo reaparecimento de casos da doença no estado. De acordo com a subsecretária, o encontro foi uma antecipação por parte da Prefeitura de Nova Friburgo, pois ainda não houve nenhuma reunião oficial com o governo do estado nem com o Ministério da Saúde sobre o enfrentamento à volta do sarampo. “Nós resolvemos reunir o pessoal da rede de saúde, tanto pública quanto particular, para que possamos estabelecer um fluxo de atendimento de possíveis casos e também das questões preventivas de vacinação”, disse Fabíola.

Ainda segundo a subsecretária, esta semana já aumentou a procura pela vacina e a intenção é esclarecer para toda a rede quem deve tomá-la, o que deve ser planejado pelo Ministério da Saúde até então, o que pode mudar, enfim, uniformizar a informação e criar o fluxo municipal de atendimento de possíveis casos que possam surgir.

Fabíola garante que, com relação à vacina contra o sarampo, a cobertura é alta em Nova Friburgo. No ano passado a primeira dose atingiu 96% do público-alvo e na segunda dose, 86%. O Ministério da Saúde preconiza 95% o que faz a subsecretária crer que a cobertura é boa no município. “O que nós precisamos avançar é com relação ao público mais velho, as crianças e adultos que ainda podem tomar a vacina. A aplicação é feita em crianças de um ano a adultos de 49 anos.

Os postos que fazem vacinação em Nova Friburgo são o Sílvio Henrique Braune, no Suspiro; Tunney Kassuga, em Olaria; Waldir Costa, em Conselheiro Paulino; Ariosto Bento de Mello, no Cordoeira; e José Copertino Nogueira, em São Geraldo. Em todos esses postos a vacina – que é gratuita – está liberada para o público-alvo como preconiza o Ministério da Saúde.

Fabíola lembra também que, como tem sido divulgado, os pais devem aproveitar as férias escolares para levar as crianças aos postos com a caderneta de vacinação para que as equipes observem se há alguma vacina em atraso e acertar o calendário vacinal, independente de sarampo ou qualquer outra vacina.

 

LEIA MAIS

Documento com mais denúncias da Câmara sobre falta de insumos, medicamentos e equipe médica será enviado ao MP

Situações encontradas serão descritas em relatório que será entregue à prefeitura e à Justiça

Amma espera receber mais de 600 pessoas nesta edição do evento, previsto para 10h deste sábado

Publicidade
TAGS: saúde | sarampo