Programa de Resistência às Drogas forma estudantes da rede municipal

Alunos do ensino fundamental receberam orientações sobre os malefícios causados pelas drogas e como afastar-se delas
segunda-feira, 03 de dezembro de 2018
por Jornal A Voz da Serra
 secretária de Assistência Social, Emanuele Mendonça, emocionou-se ao lembrar sua participação no Proerd há 20 anos quando era aluna do Odette Penna Muniz   (Divulgação PMNF)
secretária de Assistência Social, Emanuele Mendonça, emocionou-se ao lembrar sua participação no Proerd há 20 anos quando era aluna do Odette Penna Muniz (Divulgação PMNF)

Graças a uma parceria entre a Secretaria Municipal de Educação de Nova Friburgo e o 11ºBPM, semestralmente, alunos do ensino fundamental da rede municipal de ensino recebem orientações sobre os malefícios causados pelas drogas e como afastar-se delas em encontros do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd). A iniciativa existe desde 1992, em consequência de uma parceria entre a Polícia Militar, a Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeiro e o consulado americano no Brasil, com o objetivo de atender aos anseios de escolas de alertar as crianças e tentar mostrar-lhes os caminhos para um futuro melhor.

Nos últimos dias 28 e 29 de novembro, no Teatro Municipal Laercio Ventura, foram realizadas as formaturas no Proerd das turmas das escolas municipais Acyr Spitz, Anna Barbosa Moreira, Bernardo Pacheco, Francisco Silveira, Hermenegildo Gripp, Iza Saippa Ranucci, Izabel Gomes Siqueira, João Vicente Valladares, Miguel Raymundo de Moraes Bittencourt, Santa Paula Frassinetti e São Pedro da Serra. As escolas Acyr Spitz, Amâncio Mário Azevedo, Maximillian Falck, Alberto Meyer e Pastor Schlupp realizarão suas formaturas nas próprias unidades.

Com a presença de alunos, pais e responsáveis, as formaturas foram marcadas pela emoção. No primeiro dia, um dos destaques da solenidade foi o depoimento da secretária municipal de Assistência Social, Emmanuele Marques Mendonça, que foi aluna do Proerd há mais de 20 anos, quando era aluna do Colégio Odette Pena Muniz. Ela contou que considerava seu instrutor à época como um pai e falou da sua tristeza em não ter podido ir à formatura e nunca mais ter encontrado o sargento Breder.

O comandante do 11ºBPM, coronel Eduardo Vaz Castelano, surpreendeu a todos anunciando a presença do hoje subtenente Breder, que subiu ao palco para abraçar a ex-aluna de Proerd. Foi um momento de muita emoção, seguido da fala das autoridades presentes e da alegria da premiação da melhor redação sobre o programa e os aprendizados absorvidos.

Para o prefeito Renato Bravo, a formatura dos alunos que participaram do Proerd foi um momento de agradecimento e parabenização. Ele elogiou o depoimento da secretária Emmnuele, classificando como “corajoso e que mostra como é importante a valorização da mulher no país”, declarou. Renato Bravo parabenizou ainda o trabalho dos instrutores e professores e desejou que os alunos se tornassem multiplicadores dos ensinamentos do Proerd.

O coronel Castelano destacou o trabalho realizado pelos instrutores, graças à parceria com a Secretaria de Educação, diretores e professores, parabenizou os alunos e encerrou sua fala afirmando que “o bem sempre prevalecerá”. Já a subsecretária pedagógica Patrícia Azevedo, representando o secretário de Educação, professor Renato Satyro, disse “precisamos salvar nossas crianças para que o futuro delas não seja mais uma história que assistimos todos os dias em noticiários e jornais. Nossa intenção é formar cidadãos atuantes e capazes de fazerem suas próprias escolhas”, disse.

O sargento Torres, instrutor dos alunos das escolas que se formaram no dia 28, e as cabos Verônica e Carolina, instrutoras dos alunos formados no dia 29, reforçaram o conteúdo que foi repassado aos alunos durante os encontros do Proerd. Elas frisaram o papel da família e parabenizaram os alunos.

Estiveram presentes também, na formatura do dia 28, o vereador Luiz Carlos Neves, representando a Câmara Municipal; a primeira-dama, Cristina Bravo; a guarda municipal Eliane Cortes, representando o comandante Carlos Freitas; o 2º sargento Turler, representando o Sanatório Naval; o vice-presidente da Acianf, Flávio Stern, que entregou um tablet oferecido pela entidade como prêmio de melhor redação para o aluno Krystian Cardoso, da Escola Municipal Hermenegildo Gripp.

Na noite do dia 29, recebeu um tablet oferecido pela SAF a aluna da cabo Verônica, Julyffer Peclart Dutra, da Escola Municipal Izabel Gomes Siqueira. A aluna Rafaela Schueler, da Escola Municipal Acyr Spitz, receberá na própria escola uma bicicleta oferecida pela Stam. Na solenidade do dia 29, estiveram presentes, além dos instrutores do Proerd, o secretário de Políticas sobre Drogas, Daniel Lage, o tenente Ferro, representando o comandante do 11º BPM e a subsecretária pedagógica Patrícia Azevedo. Nessa noite, houve tradução das falas por Andréa Duarte por meio da língua de sinais, tendo em vista a presença de alunos com necessidades especiais.

As duas formaturas foram encerradas com a canção do Proerd, após a entrega dos certificados a todos os alunos, que subiram ao palco com seus professores e diretores, pais e familiares.

Publicidade
TAGS: Drogas