Prefeitura reconstrói passarela entre Duas Pedras e a Chácara do Paraíso

Atalho usado por pedestres estava interditado pela Defesa Civil desde fevereiro
segunda-feira, 25 de abril de 2016
por Alerrandre Barros
Funcionários da Secretaria de Obras reconstroem passarela atrás do posto do Detran (Foto: Leonardo Vellozo/Secom PMNF)
Funcionários da Secretaria de Obras reconstroem passarela atrás do posto do Detran (Foto: Leonardo Vellozo/Secom PMNF)

Começou na semana passada a obra de reconstrução da passarela que liga o trevo de Duas Pedras ao acesso à Chácara do Paraíso. A Secretaria municipal de Obras está refazendo, desde o dia 18, um trecho do atalho que desmoronou sobre o Córrego dos Inhames durante um forte temporal. A travessia, atrás do posto de vistoria do Detran, é usada como alternativa por pedestres para chegar mais rápido às avenidas Nossa Senhora do Amparo e Governador Roberto Silveira. A obra deve ficar pronta ainda nesta semana.

“Estamos fazendo a contenção do talude e da encosta com um muro de gabião, que é uma contenção com pedras e gaiolas de tela. Depois da contenção, a passagem será restaurada”, disse o secretário de Obras, Jeferson Pires. Ele pede que os moradores evitem passar pelo local enquanto as obras estiverem em andamento.

O trecho do atalho desabou em fevereiro. A passarela foi parcialmente interditada pela Defesa Civil com fita zebrada, mas moradores da região continuaram a usar o local para reduzir o tempo que levariam entre um bairro e outro da região norte de Nova Friburgo. Conforme A VOZ DA SERRA noticiou no início deste mês, a situação piorou depois que a erosão na margem do córrego aumentou a cratera que passou a ocupar toda a largura da estreita via alternativa aos pedestres. 

Depois de quase dois meses esperando uma solução, no último dia 10, moradores organizaram um mutirão e construíram, por conta própria, uma ponte de madeira com tábuas e estacas de eucalipto. Os pedestres voltaram a caminhar pelo atalho, mas, dois dias depois, a pinguela foi interditada pela Defesa Civil por causa do risco de queda sobre o córrego. No mesmo dia, a Secretaria de Obras anunciou que faria obra para recuperar o trecho da travessia. 

LEIA MAIS

Campo do Coelho, Alto dos Vieiras, Sítio São Luiz e Mury são algumas localidades que receberam melhorias

Associação espera resposta positiva do Ministério das Cidades para que obras comecem ainda este ano

Projeto da prefeitura em parceria com empresários através da Acianf teve início em maio e vai se estender de Mury a Conselheiro

Publicidade