Prefeitura finaliza compra de terreno para ampliar a Praça do Suspiro

Intervenção de R$ 5,8 milhões faz parte do “pacotão de obras” em Friburgo anunciado em fevereiro
terça-feira, 10 de setembro de 2019
por Fernando Moreira (fernando@avozdaserra.com.br)
Oterreno desapropriado por R$ 5,8 milhões (Fotos: Henrique Pinheiro)
Oterreno desapropriado por R$ 5,8 milhões (Fotos: Henrique Pinheiro)

Foi publicado no Diário Oficial do município no último dia 30 de agosto, em A VOZ DA SERRA, um expediente do processo 17.079/2019, que trata da aquisição do terreno localizado na Rua General Osório, nº 11, no Centro, “para instalação de equipamentos urbanos, de utilidade e interesse público”, com valor estimado em R$ 5,8 milhões. O objetivo da aquisição do espaço é ampliar a Praça do Suspiro, um dos principais pontos turísticos do município. A intervenção faz parte do “pacotão de obras” anunciado em fevereiro pela Prefeitura de Nova Friburgo.

No início de abril, o prefeito Renato Bravo afirmou à reportagem de A VOZ DA SERRA que a aquisição do espaço era um desejo antigo que já havia foi tentado em gestões anteriores, mas acabou não se concretizando devido à falta de recursos para a compra. “Agora surgiu a possibilidade de concluir a compra desse terreno, em função dos recursos advindos da venda das ações da concessionária de energia elétrica Energisa e que foram destinados para a realização de obras”, explicou Renato Bravo na ocasião.

A expectativa inicial da prefeitura era de que o espaço já poderia ter sido utilizado em julho, abrigando algumas atrações do tradicional Festival de Inverno do município. No entanto, somente agora o processo está caminhando para uma solução.

“A incorporação deste terreno ao patrimônio do município nos permite ampliar a Praça do Suspiro e até mesmo criar equipamentos educacionais e de turismo. É um espaço que poderia ter sido adquirido pela iniciativa privada, o que resultaria em mais uma construção de um prédio naquele entorno. Será uma nova área de lazer para a população”, afirmou o prefeito em abril deste ano.

O que diz a prefeitura

A VOZ DA SERRA solicitou à prefeitura um posicionamento oficial sobre o assunto. Em nota, o Executivo Municipal confirmou que a aquisição do terreno tem como objetivo a ampliação da Praça do Suspiro. Ainda segundo a nota, “trâmites burocráticos estão sendo seguidos e os projetos para utilização do espaço estão em fase de andamento. Ainda não há uma data para o início das obras, mas a expectativa é de que isto ocorra até o fim deste ano”.

Recurso é oriundo da venda de ações

No último dia 6 de fevereiro, o prefeito Renato Bravo anunciou um investimento de quase R$ 26 milhões em obras no município. O valor é fruto da venda de ações, que a princípio estava condicionada ao projeto de aquisição do prédio da Fábrica Ypu, mas como o município perdeu o processo que movia para efetuar a compra, optou por uma nova destinação do dinheiro.

No chamado “pacotão de obras”, a prefeitura está promovendo diversas intervenções, como a construção da via compartilhada para ciclistas e pedestres entre o Paissandu e Duas Pedras; a conclusão das obras de expansão do Hospital Municipal Raul Sertã; a instalação da cobertura na Estação Livre (antiga rodoviária urbana); a transferência da feira livre das ruas Presidente Vargas e Manoel Lourenço Sobrinho, em Olaria, para o pátio da Secretaria Municipal de Ordem e Mobilidade Urbana (Smomu), na Rua Vicente Sobrinho; a reforma de quadras esportivas em diversos bairros; além da ampliação da Praça do Suspiro, no Centro.

 

LEIA MAIS

Promessa é dada após reportagem de A VOZ DA SERRA mostrar protesto criativo de moradores improvisando placas

Prefeitura abre licitações para reformar cozinha e lavanderia

Cerca de 105 mil assinaturas foram entregues a Witzel no Palácio Guanabara por comitiva de friburguenses

Publicidade
TAGS: obra